28 Nov 2021

Publicado em Editorial
Avalie este item
(0 votos)

O ministro da Casa Civil, Walter Braga Netto, na quarta (22), anunciou elaboração do programa ‘Pró-Brasil’, cujo objetivo é integrar e aprimorar ações estratégicas pra recuperação e retomada do crescimento socioeconômico em resposta aos impactos causados pelo novo coronavírus.
Na quarta (22), o governador do Estado de São Paulo, João Doria, também anunciou o “Plano São Paulo”, que permitirá, a partir de segunda (11) de maio, a reabertura da gradativa da economia. Segundo Doria, serão definidos, gradualmente, protocolos para essa volta, que, nas palavras do governador, deverá ser “responsável e segura à normalidade econômica, mas protegendo vidas” e ainda diferenciados e de acordo com dados apurados de cada região do Estado. Porém, mais detalhes sobre o plano só serão divulgados no dia 8 de maio. No Estado, o índice de isolamento social tem ficado na média dos 50%. Bastante criticado e alvo de protestos em São Paulo, que acusaram Doria de parar a economia do Estado mais populoso e com a economia mais avançada do Brasil, o governador esclareceu que desde o início da quarentena em São Paulo, 74% de toda a estrutura econômica continuou ativa em operação.
No ABC, das sete cidades apenas Ribeirão Pires tem alcançado índices de isolamento social acima dos 50%. Muitos comércios têm operado de maneira irregular, apesar do decreto oficial de que apenas estabelecimentos com itens essenciais possam operar.
Sofrendo enorme pressão dos grandes empresários e grupo de comerciantes dos municípios, os prefeitos do ABC têm se dividido quanto ao tema: afrouxar ou não a quarentena. Tudo em prol da retomada da economia e reabertura dos estabelecimentos comerciais. Afinal, depois de tanta campanha e ações para divulgar e enfatizar a nova gestão, o corte de gastos e privilégios, a retomada de obras e do desenvolvimento das cidades, como, bem no último ano do mandato vigente, poderiam os mesmos prefeitos “super heróis” que salvaram a economia das cidades e desaparelharam a velha política, serem os vilões que causaram a falência de comércios, perda de empregos e desaceleração da economia?
Nestas horas, o grande e admirável propósito humanitário de salvar vidas, em meio a uma pandemia, fica um pouco em segundo plano. Afinal, é, ou seria ano de eleição e os prefeitos do ABC tentarão a reeleição. Dois prefeitos das maiores cidades do ABC, Paulo Serra, Santo André, e Orlando Morando, São Bernardo, conhecidos pela proximidade política e também pessoal, divergem quanto a retomada da economia.
Em São Bernardo, enquanto o prefeito Morando, defende a manutenção da quarentena e do isolamento social, sem mudanças, até o dia 11 de maio, mas, já focando num plano de retomada economia ligada a segurança das pessoas, afirmando: “podem ficar bravos, me culparem, mas, não vou tomar medida pensando no populismo”, comerciantes da rua Marechal Deodoro e do Centro têm operado normalmente, com portas “meio abertas”. Para ter acesso ao estabelecimento, basta o cliente ligar, um funcionário surge na espreita e o convida para entrar. Logo, as portas são abaixadas, novamente.
Em Santo André, a situação não é diferente e até, diversas academias na região central, têm operado clandestinamente. Porém, o prefeito Paulo Serra afirmou que Santo André não pode ser tratada com o mesmo critério, das demais cidades do Estado e que elaborou, junto com grupo de empresários, uma cartilha própria, para a retomada da economia, que também irá preservar vidas.
Portanto, os moradores do ABC devem torcer para que, agora, as intenções políticas eleitorais dos prefeitos fiquem em segundo plano e que a economia seja, sim, retomada, mas, com todos os cuidados sanitários necessários e, principalmente, boa fiscalização contra as irregularidades para, só assim, serem salvas as vidas e a economia.

Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Main Menu

Main Menu