18 May 2022


O Ano Novo chegou, de repente

Publicado em Editorial
Avalie este item
(0 votos)

O Ano Novo chegou, de repente

O ano passou rápido. O Natal já foi comemorado. De repente, o Ano Novo está aí batendo na porta e sempre trazendo esperança, muita paz e melhores dias. Essa é a expectativa, pelo menos, de todo mundo nesta época do ano. Nesta altura do campeonato, o ditado é sempre lembrado: Ano Novo, Vida Nova. Quem não sonha com uma vida nova na passagem do ano? Isso, evidentemente, faz parte daquela chama que cada um tem dentro do peito.

Por sua vez, os trabalhadores, eternos sofredores, dão sempre uma nova versão ao ditado: "Ano Novo, Luta Nova". A justificativa, para isso, é que "a vida é uma eterna luta". Mas, é importante que ninguém saia ferido dessa luta, pois o "mundo gira e a Lusitana roda", com estava escrito no para-choque daquele caminhão de mudança de anos passados. Tempos atrás, a mídia dizia que nesta época do ano, o País paralisava suas atividades no Natal e voltava a funcionar depois do carnaval. A situação mudou de vez. Agora, a crise mudou de lugar atingindo alguns países europeus e também o poderoso Estados Unidos. Sobre isso, os que estão no governo federal enfatizam que "o Brasil não será afetado pela crise mundial". Para isso, é preciso escolher um novo Ministro da Fazenda, pois o atual já foi demitido pelo principal jornal inglês de economia, Financial Time.
O Ano Novo, assim, chega com força total. As esperanças se renovam, o otimismo toma conta de cada um e permanece a esperança de que tudo será melhor no próximo ano, mesmo com a crise mundial em pleno andamento e que pode ou não atingir o Brasil. Com essas coisas ruins rodando pelo ar, o brasileiro, antes de tudo um forte, mostra sempre o seu otimismo e continua acreditando neste País, mesmo com a participação de determinados políticos que fazem de tudo para quebrar o Brasil. Desse jeito, o trabalhador, na sua faina diária, tem sempre alguma coisa otimista na ponta da língua: "a esperança é a última que morre".
De um modo geral, esse otimismo acaba contagiando todos. Isso é bom para esta época do ano, pois como diz o outro "ninguém é de ferro". Por sinal, inspirado estava mesmo o poeta que fez a música que celebra a passagem do ano, sempre cantada nesta ocasião: "que tudo se realize, no ano que vai nascer. Muito dinheiro no bolso, saúde para dar e vender". Um Feliz Ano Novo a todos.

Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Main Menu

Main Menu