16 Oct 2018


Dr. Amedeo Giusti - * 1º/10/43 + 23/06/18

Publicado em Luiz José M. Salata
Lido 181 vezes
Avalie este item
(0 votos)

O falecimento do Dr. Amedeo Giusti ocorrido no último dia 23 de junho, surpreendeu a família, os parentes e amigos, os membros da área médica, os funcionários do IMASF – Instituto Municipal de Assistência à Saúde do Funcionalismo e a colônia italiana, que lamentam tão grande perda do dedicado médico da cidade. Nasceu em São Paulo – Capital, em 1º de outubro de 1943, filho de Amato Giusti e Zefaide Maria Atti Giusti, com origens italianas, pelo lado paterno de Luca, na Toscana, e materna do Veneto. Após os estudos no Colégio N.S. da Glória desde o jardim da infância e até o ginasial, cursou o colegial no Colégio N.S. do Carmo, ambos dos Irmãos Maristas, ingressando na Faculdade de Ciências Médicas de Santos, graduando-se em 1972, com a especialização em ortopedia. No ano de l973, veio residir em São Bernardo para exercer a medicina. Foi médico da Aeronáutica, do Hospital São Bernardo, Hospital Bartira e um dos fundadores da Clinica Cofe de Ortopedia, e ultimamente prestava serviços no Imasf, como médico e auditor de contas. Por suas qualidades pessoais ingressou na política, se elegendo Vereador à Câmara Municipal de São Bernardo, pela primeira vez em 1996, e reeleito em 2000 e 2004. Na gestão de 1997/1998, presidiu a Comissão de Educação, Cultura e Esportes, no biênio 1999/2000, foi suplente da Comissão de Constituição e Justiça e Redação, foi Secretário da Comissão de Finanças e Orçamento e Presidente da Comissão de Saúde e Promoção Social. Em 2001/2002, ocupou a Primeira Secretaria da Mesa Diretora, e no período de 2003/2004, a Segunda Secretaria, nos anos de 2005/2006, presidiu a Comissão de Constituição e Justiça e Redação, além seguidamente dos cargos de Secretário das Comissões de Saúde e Promoção Social e de Defesa do Meio Ambiente. No biênio 2007/2008, foi eleito Presidente da Mesa Diretora, oportunidade em que além de outras inovações administrativas, nessa sua gestão foi o responsável pela construção do Anexo I, do prédio da Câmara Municipal, destinado aos novos gabinetes dos Vereadores, área administrativa e outras repartições. Fervoroso cultivador das relações ítalo-brasileiras e também pela grande convivência nos encontros e festas, exerceu a Presidência da Comissão da Comenda de São Bartolomeu. Nessa gestão, decidiu realizar as sessões solenes de outorga da honraria para o amplo salão da Associação dos Funcionários Públicos do Município, que lotava. Ditas sessões, muito concorridas, seguiam o rito de entrega da comenda, de certificado e do passaporto, cujo conjunto de outorgas muito comovia os homenageados e familiares. A Associazione Lucchese Del Mondo da Província de Luca, na Toscana, origem paterna, na apreciação de sua conduta para a difusão das relações entre a Itália e o Brasil, e mesmo dessa região italiana, no ano de 2004, concedeu-lhe a Comenda de “Lucchese che si Sono Distinti All’Estero”. No ano de 2006, seguiu para Maróstica, cidade irmã de São Bernardo com o Coral Bicchieri D’Oro, do qual fazia parte e era adepto, pois sempre prestigiava como Vereador e também após quando encerrou a carreira de parlamentar. Foi associado da Sociedade Cultural Brasilitália, tendo assumido a Presidência do Conselho Deliberativo, sendo um dos intermediários para a instalação do Patronato Inas, na própria entidade, visando o atendimento dos italianos e descendentes na busca de documentos de filiação.  Foi velado no salão principal do Anexo I, da Câmara Municipal e sepultado no Cemitério do Araçá. Deixa a viúva Lúcia Maria Hojaij Giusti, os filhos Guilherme, Gabriela e Gustavo, a nora Elisabeth, e as netas Paula e Vitória. A sua marca registrada pessoal e profissional foi muito bem definida por Gabriela, sua filha, que ao lado do esquife declarou a sua afeição pela família, pelos amigos, pela medicina e pelo Palmeiras, ainda acrescentando do seu gênio um tanto intenso como todo italiano, com gestos e com palavras características, de um lado, mas que, de outro muito amoroso, sentimental, delicado e autêntico. Da política, deixou a mensagem: “Encerro meu mandato como Presidente, porque não considero este cargo uma profissão. Aprendi muito, mas não sentirei saudade. Desenvolvi um trabalho sério, de fiscalização. Tenho o sentimento de dever cumprido como vereador.” Foi uma grande perda para a família, os amigos, área médica e para as relações com os membros da colônia italiana, deixando um legado de vencedor. 

Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Website.: www.folhadoabc.com.br/media/k2/users/anos.png

Deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated.Basic HTML code is allowed.

Destaques

Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu