17 Jan 2019


San Francesco d’Assisi – Il Patrono d’Italia

Publicado em Luiz José M. Salata
Lido 147 vezes
Avalie este item
(0 votos)

“Il 04 ottobre è festeggiato il giorno di San Francesco d’Assisi”. O calendário religioso da Igreja Católica, dedica ao “Il Patrono d’Italia”, o dia quatro de outubro, motivo de  realizações de festividades e eventos nas paróquias com o seu nome.As solenidades religiosas ocorrem com grande fluência de fiéis denotando incontestável demonstração de muita fé, crença e devoção dos ítalo-brasileiros, pois a sua biografia e existência de dons com muitíssimos históricos de milagres, ensejam todo esse movimento, cujo respeito e admiração se mantém cada vez mais entre os antigos, mas  aumentam entre os mais jovens que seguem essa postura dos seus ascendentes. San Francesco d’Assisi, nascido Giovanni di Pietro di Bernardone, em Assisi, na Úmbria, Itália, aos cinco de julho de 1182, filho de Pietro di Bernardone dei Moriconi, rico comerciante, e Pica Boulermont, tendo recebido educação voltada para os negócios, de família abastada em sua juventude irrequieta e mundana esbanjava dinheiro com ostentações.Quando tinha vinte anos, durante uma guerra entre Perugia e Assisi, alistou-se como soldado, mas foi capturado e permaneceu preso, tendo adoecido gravemente e durante a convalescência decidiu abrir mão de seus bens e da vida mundana, dedicando-se inteiramente ao Evangelho. Durante uma de suas orações, na Igreja de São Damião, em Assis, ouviu um chamado que dizia as conhecidas palavras “Francisco, repara minha casa, pois olhas que está em ruínas”, o que o motivou a viver naquela paróquia mesmo sob diversas intervenções contrárias de seu pai. Lá permaneceu, para auxiliar na igreja como pedreiro, pedindo esmolas para custear as obras de restauração. Então, passou a ter vida religiosa de completa pobreza, o que foi motivado a fundar a ordem mendicante dos Frades Menores, tomando ao pé da letra sob o crucifixo de São Damião, ficando mais conhecida dita ordem como os “Franciscanos”, em Porciúncula, na Capelinha de Santa Maria dos Anjos. As atuações renovaram sobremaneira o catolicismo de seu tempo, mercê de sua grande dedicação nas pregações cristãs.Tomando o hábito da pregação itinerante, quando os pregadores do seu tempo permaneciam em mosteiros, e com sua crença de que o Evangelho devia ser seguido à risca, imitando a vida de Jesus Cristo, desenvolveu profunda identificação com os problemas dos seus semelhantes e com a humanidade do próprio Cristo, então dedicou-se aos mais pobres e a amar todas as criaturas chamando-as de irmãos. Quando o grupo tinha doze membros, em 1210, seguiu para Roma, para pedir o consentimento do Sumo Pontífice que, apesar de ter consi-derado que as suas ideias eram muito rígidas, mesmo assim, para tanto, deu a sua aprovação. Muito feliz e otimista, retornando a Assisi, continuou a sua pregação das palavras divinas, vivendo com humildade e pobreza sempre para alcançar e imitar literalmente Jesus Cristo. Nesse tempo, já conhecido de Chiara D’Offreducci, rica jovem e de quem desfrutava amizade e conhecimento, convenceu-a a aderir ao movimento religioso, e que dispensou a vida abastada familiar, passando então a acompanhar San Francesco nas suas pregações, motivando a fundar a Ordem das Pobres Senhoras, melhor chamada de Ordem de Santa Chiara, as Clarissas, nos mesmos moldes dos Franciscanos.San Francesco destacou-se também por sua faceta de proteção à natureza e ligação aos animais, pois nas pregações que participava tinha de se encaminhar aos locais de difícil acesso, motivo assim de percorrer vários locais inóspitos quando tomava contato com a natureza. Por sua dedicação à conservação das matas e proteção aos animais, foi guindado ao titulo de Santo Protetor dos Animais e do Meio Ambiente, motivo que enseja a realização de bênçãos aos animais todo dia quatro de outubro, data em que se comemora a sua santidade. Faleceu jovem, aos quarenta e quatro anos, em três de outubro de 1226, em Assisi, com um profícuo e longo trabalho de pregação e assistência aos menos favorecidos.Em sua homenagem na comune de Assisi, em 1228, foi erguida a Basilica, na colina distante da cidade, onde na cripta se encontra sepultado, local que recebe  milhares de devotos de todos os cantos do mundo. Já para Santa Chiara, a sua discípula que tanto o imitou, foi erguida um igreja em sua memória, perto da Basilica de San Francesco, do outro lado da colina, e considerando que o seu corpo intacto lá se encontra exposto, porém aberto e com total visibilidade, merece devoção. Segundo Dante Alighieri, a respeito de San Francesco de Assisi, que sempre afirmou que ele foi “uma luz que brilhou sobre o mundo”, e para muitos se  trata da maior figura da Igreja Católica.

Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Website.: www.folhadoabc.com.br/media/k2/users/anos.png

8 comentários

Deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated.Basic HTML code is allowed.

Destaques

Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu