22 Sep 2018

Publicado em MIRANTE
Avalie este item
(0 votos)

Atingidos
A Lava Jato atingiu fortemente o PMDB, PR e PP, que podem perder protagonismo na eleição presidencial de 2018. O PSDB e o DEM avaliam que tê-los no palanque vai prejudicar seus planos de apresentar um candidato "gestor", com discurso contrário à velha política. Uma aliança com o PMDB, maior partido do País, garante um ativo precioso para qualquer candidato: tempo de TV. Mas a avaliação é que a eleição será pautada pela Lava Jato e a cobrança do eleitor será pelo povo que fará esse bônus não valer tanto a pena.

Candidatura avulsa
Crítico do sistema partidário nacional, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, liberou para julgamento uma ação que discute a possibilidade de pessoas sem filiação a partidos políticos concorrerem em eleições. Ele concluiu o relatório de uma ação que chegou ao Supremo em junho sobre o tema. Cabe à presidente da Corte, ministra Carmen Lúcia, decidir quando deverá entrar na pauta de julgamento. Apesar de ainda não haver uma data prevista, a presidência do STF marcará o julgamento a tempo de valer já para as eleições de 2018. O prazo que o Congresso tem para modificar o sistema eleitoral termina em 7 de outubro, um ano antes disputa do ano que vem.

Mudança
O partido DEM, ligado do PSDB, decidiu que não será mais linha auxiliar dos tucanos na disputa pelo Palácio do Planalto em 2018. Segundo um integrante da sigla, foi com essa promessa que a cúpula do partido desembarcou na sexta (22) para um jantar na casa do prefeito tucano João Doria. Por outro lado, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (RJ), é o fiador da estabilidade política do Governo Federal e espera ampliar a bancada de 31 para 50 deputados na Câmara, o DEM passou a ver em Doria um caminho para o protagonismo. O prefeito João Doria se apresentou abertamente como pré-candidato, embora tenha o tempo todo ressaltado o "respeito e a amizade Geraldo Alckmin, seu padrinho político".

Nova unidade
Santo André está negociando com o governo do Estado a instalação de um novo restaurante Bom Prato. A divulgação foi durante a comemoração de 15 anos da unidade localizada na região central, que contou com a participação do secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Floriano Pesaro. Na sexta (22), o prefeito de Santo André, Paulo Serra, deu inicio a duas tratativas com o secretário. Uma é das melhorias na estrutura desta unidade. A outra é estudar a instalação de mais um restaurante na cidade, mas descentralizado, projetando que ele seja na região da Vila Luzita, onde há prédios públicos municipais e onde reside grande parte dos usuários deste serviço. A ampliação está prevista para 2019 ou 2020 já que o Estado pretende priorizar cidades que ainda não tenham o Bom Prato e a prefeitura não tem condições financeiras de investir neste momento.

Projeto escola
São Bernardo anunciou a criação do projeto Escola Linda, que vai reformar as 200 unidades escolares da cidade. Porém, cada uma terá apenas R$ 8 mil para rea-lizar suas obras. No entanto, um programa semelhante em São Caetano, disponibilizou cerca R$ 142 mil para cada escola. Suzana Dechechi, secretária de Educação de São Bernardo, afirmou que o departamento responsável "tem se desdobrado"para" atender às demandas das unidades que estão em "situação crítica" por não receberem suporte adequado nos últimos anos." A quantidade de escolas que têm solicitado atendimento nesse sentido é muito grande e não conseguimos atender a todas. “O Escola foi uma alternativa para dar apoio a todas”, justificou.

Invasão
Um condomínio residencial está sofrendo tentativa de invasão em São Caetano. Isso tem despertado a atenção das autoridades e dos moradores para uma possível nova tática dos criminosos. Com a posse dos nomes dos moradores e de seus telefones fixos, os bandidos estariam ligando para as portarias, se passando por condôminos e pedindo aos porteiros que liberem a entrada de comparsas como se fossem amigos e familiares dos visitantes. Assim, segundo moradores, criminosos tentaram há uma semana entrar em um condomínio na rua Gene-ral Osório, no bairro Santa Paula. O caso foi confirmado como tentativa de assalto pela Secretaria de Estado da Segurança Pública e é investigado pelo 1º DP (Distrito Policial), que analisa imagens dos suspeitos. A Polícia Militar também confirmou a tentativa de assalto.

Imóveis
A Associação dos Construtores, Imobiliárias e Administradoras do Grande ABC revelam que de janeiro a junho deste ano foram vendidas 870 unidades contra 1.541 vendidas no mesmo período de 2016. O número representa uma movimentação de R$ 367 milhões. Marcus Santaguita, presidente da associação, disse que a queda pode ser atribuída ą desaceleração da economia, que refletiu "a insegurança do público consumidor em adquirir imóveis". Diadema e São Caetano registraram a maior queda nas vendas: 55% e 54%, respectivamente

Mutirão
Em São Caetano, um em cada três pacientes da cidade não compareceram às consultas agendadas pela rede municipal de saúde. No Mutirão de cardiologia realizado no sábado (23) teve o maior número de ausências: 232 de 630 agendamentos. De acordo com balanço do programa Ação Saúde, desde o mês passado (quando começaram os mutirões) foram agendados 1.995 consultas e exames. Desse número, 1.312 foram realizados. A Secretaria de Saúde informou em nota que faz o chamamento por telefone aos pacientes. Porém, boa parte das pessoas ainda faltam no dia do atendimento.

Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Website.: www.folhadoabc.com.br/media/k2/users/anos.png
Mais nesta categoria: 14 de Outubro de 2017 »

Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu