16 Nov 2018


São Bernardo: tablets para uso em sala de aula

Publicado em Cidades
Avalie este item
(0 votos)

A dedicação e o empenho dos alunos da EMEB Maurício Caetano de Castro II, em São Bernardo, rendeu um fruto importante: a aquisição de 22 tablets para uso em sala de aula. A compra ocorreu após uma intensa campanha de arrecadação de latinhas de alumínio, que após serem vendidas, custearam os equipamentos.

Ao todo foram arrecadadas 2,5 toneladas de latinhas, que possibilitaram a compra dos tablets por um valor médio de R$ 576.

A história começou em outubro do ano passado, quando após uma reunião do Conselho Mirim da unidade, as crianças resolveram ampliar as campanhas desenvolvidas com a comunidade do entorno da escola, localizada no bairro Alves Dias.

Com o apoio da Prefeitura de São Bernardo e da Secretaria de Educação e também com o auxílio da direção, os alunos conseguiram mobilizar os vizinhos da unidade e também os comerciantes, que passaram a oferecer as latinhas para a campanha.

A meta da EMEB é obter 30 equipamentos e como a arrecadação é constante, os alunos esperam chegar em breve à marca estabelecida.

Os tablets possuem conexão com a rede eletrônica do município e a aplicação de atividades é feita diretamente pelo professor, por meio de computadores instalados em salas de aula.

Na unidade, algumas turmas desenvolvem conteúdos educativos, ligados ao currículo, com o ensino de Ciências. Nos próximos meses, será a vez de Matemática, Língua Portuguesa, Geografia e História.

Recentemente, o prefeito Orlando Morando visitou a EMEB e verificou o funcionamento da tecnologia. “Vivemos em um mundo profundamente conectado e é sempre importante estimular o aprendizado por meio das novas tecnologias. O sistema funciona bem e contempla as necessidades pedagógicas dos alunos”, afirmou.

Na visão da secretária de Educação, Silvia Donnini, a adoção de tecnologias em sala de aula estimula o processo de aprendizagem. “As gerações atuais lidam diariamente com os meios eletrônicos. A aplicação dos conteúdos do currículo escolar é auxiliada pelos equipamentos e envolve os alunos nas discussões propostas pelos professores”, completou.

Para o diretor da escola, Ivan Oliveira da Silva, a adesão dos alunos pode ser considerada positiva e celebra o esforço da Conselho Mirim. “Eles tiveram engajamento para que os tablets chegassem e fosse utilizados no dia a dia. Temos certeza que a melhora do processo de aprendizagem vai ocorrer, mesmo porque na era digital, as crianças manuseiam celulares de uma maneira muito mais hábil do que os adultos. Vejo como um complemento tecnológico importante nesta fase do aprendizado”, pontuou o responsável.

CAMPANHAS - A primeira ação desenvolvida pelos alunos foi a arrecadação de lacres de latinhas, que possibilitou a entrega de cadeiras de rodas para entidades assistenciais.

Além disso, o Conselho Mirim também se empenhou na Campanha do Agasalho 2018, que neste ano arrecadou mais de 152 mil peças.

O envolvimento dos alunos também ajudou na doação de livros para biblioteca escolar e na estrutura da unidade existe uma horta comunitária cuidada pelos alunos.

Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Website.: www.folhadoabc.com.br/media/k2/users/anos.png
Mais nesta categoria: Mauá forma 40 novos GCMs »

Destaques

Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu