17 Aug 2019


Governo australiano realiza evento no ABC sobre educação

Publicado em Educação
Avalie este item
(0 votos)

Neste sábado (18), acontece o Australia-Brazil Alumni Conference, evento gratuito sobre educação e oportunidades de estudos na Austrália, no Instituto Mauá de Tecnologia em São Caetano, que terá como tema “Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação”. A conferência será ministrada por representantes da Embaixada da Austrália no Brasil e, também, por ex-alunos, com foco na apresentação de cases, oportunidades de estudos, além de destacar as tecnologias e pesquisas desenvolvidas no país.

Em 2018, os setores que mais aceitaram estudantes brasileiros na Austrália foram os de ensino técnico e profissional (VET – Vocational Education and Training), intensivos de inglês (ELICOS) e os de ensino superior. “A Austrália é o terceiro maior destino do mundo para estudantes internacionais devido à alta qualidade da educação australiana, perspectivas internacionalizadas e empregabilidade, tanto no âmbito do ensino superior como no ensino técnico e profissional. Estamos vendo o interesse crescente de brasileiros interessados em estudar na Austrália, mas também de parceiros brasileiros em aprender mais sobre a experiência da política educacional australiana, particularmente em ensino técnico e profissional, modelos de engajamento com a indústria e pesquisas de pós-graduação”, afirma o Conselheiro de Educação e da Ciência da Embaixada da Austrália no Brasil, Mathew Johnston (foto).

Além disso, dados recentes do departamento de educação e treinamento do governo australiano indicam que aproximadamente 20,4 mil alunos brasileiros estudam na Austrália no momento, principalmente em razão da estrutura oferecida por instituições de ensino que estão entre as melhores ranqueadas no mundo. “O Brasil é o quarto maior mercado para a Austrália em número de matrículas, principalmente em cursos de inglês e profissionalizantes. Nos últimos anos, os dois países tornaram-se fortes colaboradores em pesquisa, principalmente nas áreas de medicina e saúde, ciências biológicas e ciências físicas. Essas colaborações transformaram o Brasil no 16º maior colaborador científico da Austrália”, acrescenta Johnston.

Durante a conferência, a Coordenadora de Desenvolvimento de Negócios do Consulado da Austrália em São Paulo, Laís Araújo, fará um panorama sobre as oportunidades de estudos no país, que tem cinco universidades ranqueadas entre as 50 melhores do mundo. “Os visitantes receberão informações gerais sobre o sistema educacional de australiano, opções de estudo e custo médio de vida, além de entenderem como é o investimento do país em pesquisa e em desenvolvimento de tecnologias e inovações”, conclui.

Cases e experiências- Durante a conferência serão apresentados cases recentes de brasileiros que estudaram na Austrália e tiveram sucesso em suas profissões ao retornarem ao Brasil. Eles continuam a parceria com a Embaixada da Austrália por meio de projetos de cooperação bilateral entre os dois países.

Um dos palestrantes é Thiago Pierobom, que contará como aplica seu aprendizado do período de estágio de pesquisa de pós-doutorado em criminologia, na Monash University – uma das maiores universidades australianas -, em sua área de atuação na Promotoria de Justiça e Defesa da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Ministério Público do Distrito Federal e Território (MPDFT), em Brasília.

Outra experiência que será compartilhada no evento é a de Carla Camargo Cassol, pesquisadora-doutoranda na PUCRS e coordenadora de internacionalização do SENAC-RS, onde implementa o modelo de internacionalização de currículo adaptado ao contexto educacional brasileiro, que foi aprendido em sua pesquisa sobre o tema na Curtin University.

Sob orientação de um dos mais renomados economistas australianos, professor Bruce Chapman, o Técnico de Planejamento e Pesquisa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), Paulo Nascimento, fez doutorado-sanduíche na Australian National University. Em sua apresentação, ele abordará seus conhecimentos sobre financiamento do ensino superior baseado no modelo para ampliação do acesso ao ensino técnico e superior por meio de instrumentos de financiamento contingente à renda. No Brasil, ele vem discutindo sobre o tema para aperfeiçoar as políticas públicas para aprimorar a sustentabilidade financeira de universidades em uma série de workshops e seminários com a Embaixada da Austrália, encerrando com a Conferência Internacional sobre Financiamento Vinculado à Renda de  10 a 12 de julho em Brasília.

 

Última modificação em Quinta, 16 Maio 2019 10:04
Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Website.: www.folhadoabc.com.br/media/k2/users/anos.png

Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu