21 Sep 2018

Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

O Moeda Verde vai crescer a partir deste mês e, até o final do ano, moradores de mais quatro núcleos da cidade e seus arredores poderão trocar resíduos recicláveis por alimentos. Com a expansão, o programa vai ampliar em 154% a sua abrangência, beneficiando direta e indiretamente 35,6 mil pessoas, ou mais de um terço dos moradores de núcleos e assentamentos precários de Santo André.

As trocas acontecem sempre a cada 15 dias, das 14h às 16h. Nesta terça (18), a equipe do projeto inicia o trabalho no núcleo Eucaliptos (rua Arco Íris com rua do Lago, atrás do Centro Religioso São José Operário). Na segunda quinzena de outubro está prevista a implantação no Morro Vista Alegre (Kibon), às quartas-feiras. Em novembro, será a vez dos moradores dos núcleos Santa Cristina, Nova Esperança e Favelinha do Amor poderem trocar resíduos por alimentos, às quintas-feiras. A equipe do Moeda Verde também vai atender os núcleos Jardim Cristiane e Gaturama, a partir de dezembro, com trocas às sextas-feiras. Juntas, as quatro novas regiões beneficiadas possuem cerca de 21,6 mil habitantes.

“O Moeda Verde é um sucesso. Ele demostra a importância que nós damos para a questão da sustentabilidade, que é um conceito muitas vezes abstrato para as pessoas, e por isso é muito legal quando conseguimos demonstrá-lo na prática”, afirmou o prefeito Paulo Serra. Segundo ele, o Moeda Verde também foi possível graças a união de outros programas recuperados pela atual administração. “Houve a retomada do Banco de Alimentos, que estava fechado, através do Núcleo de Inovação Social. Já arredamos mais de 550 toneladas de alimentos para 66 entidades, além do Moeda Verde. Também assinamos contratos com as cooperativas de reciclagem, premiando a eficiência e o resultado do seu trabalho”, destacou o prefeito.

Lançado em novembro de 2017, o Moeda Verde está consolidado nos núcleos Ciganos, Capuava e Jardim Cipreste, onde já beneficia, direta e indiretamente, 14 mil moradores. Até a última troca (13 de setembro, no Jardim Cipreste), as famílias participantes entregaram 28,5 toneladas de recicláveis ao projeto e levaram para casa 5,7 toneladas de hortifrútis frescos. Para participar, basta o morador levar ao ponto de troca 5 kg de resíduos secos e trocar por um 1 kg de alimentos.

Tagged sob

Como parte do programa Wi-Fácil, da Prefeitura de São Caetano, a Praça dos Imigrantes recebeu um ponto de internet grátis, no domingo (16). Localizada no bairro Olímpico, na Av. Presidente Kennedy com Avenida Tijucussu, a praça recebe grande público aos fins de semana, principalmente durante a Rua de Lazer, aos domingos.

Segundo o prefeito José Auricchio Júnior, o Wi-Fácil integra uma série de ações da Prefeitura com o objetivo de promover inclusão digital e inserir São Caetano no conceito de cidade inteligente e conectada. Já são três pontos de internet gratuita no município: Praça dos Imigrantes, Espaço Verde Chico Mendes e Praça Cardeal Arcoverde.

MAIS DE 200 CONEXÕES- Na inauguração do terceiro ponto de internet, o diretor da Divisão de Tecnologia da Informação (DTI), Robson Pereira, explicou ao público presente como fazer a conexão: “Basta, em seu celular, procurar a rede “Wi-Fácil São Caetano” e fazer a autenticação por meio de conta no Facebook ou e-mail”.  Logo após o lançamento, mais de 200 conexões foram realizadas na praça, no domingo.

Michele Menezes, moradora do Bairro Cerâmica, foi uma das internautas que testaram a novidade: “Eu fico 24 horas conectada, é mais fácil se comunicar pelas redes sociais do que pelo telefone. Hoje o mundo é virtual”, disse. Em cada um dos pontos do Wi-Fácil, o tempo máximo de conexão é de uma hora por dia. Após 10 minutos sem uso, o sistema encerra a sessão atual, mas o internauta ainda pode se reconectar novamente até a soma de todos os acessos individuais alcançar o limite de 60 minutos no mesmo local.

Tagged sob

O Magazine Luiza, companhia que é referência em transformação digital no país, abriu inscrições para seu processo de seleção de trainees. Para se inscrever, o candidato deve ter se formado em 2016 ou ter a conclusão do curso prevista para 2018, em qualquer curso de graduação. O Magalu foi apontado pelo instituto GPTW como a melhor empresa para trabalhar no varejo brasileiro e a segunda melhor do país, no ranking geral.

Os trainees vão passar por integração, ter experiência nas lojas, conhecer todas as áreas de negócios do Magazine Luiza, participar de projetos estratégicos, além de ter acesso a mentoring e treinamento. Os interessados podem residir em qualquer cidade brasileira, desde que tenham condições de viajar e se mudar. Inglês intermediário também é um requisito.

Além da remuneração, o selecionado do Magazine Luiza terá direito a vale refeição, estacionamento, bolsa de estudos, assistência médica e odontológica, previdência privada e acesso à academia da empresa. As inscrições podem ser feitas até o dia 24 de setembro. Todo o processo será finalizado até dezembro e os trainees iniciam suas atividades na empresa em janeiro de 2019. A inscrição pode ser feita pelo link: http://traineemagalu.com.br/

A novidade do processo de seleção deste ano será uma pergunta: "Por que você deve ser trainee do Magalu?". Contudo, o espaço para resposta não será uma tradicional caixa de texto com limitação de caracteres, mas sim o espaço para o candidato fazer o upload de um arquivo vídeo, texto,.pdf, apresentação de slides, áudio ou uma planilha de Excel.

Tagged sob

Os agentes de segurança da Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) apreenderam, no último final de semana, 15 e 16 de setembro, nos Centros de Detenção Provisória (CDP) do ABC Paulista, unidades administradas pela Coordenadoria de Unidades Prisionais da Região Metropolitana São Paulo (Coremetro), entorpecentes característicos à maconha e à cocaína com visitantes das unidades.

Santo André

No Centro de Detenção Provisória (CDP) de Santo André foram flagradas três visitantes tentando levar entorpecente para dentro da unidade. As mulheres esconderam o ilícito com características à maconha na costura de suas calças e de roupa íntima (top). Os casos foram encaminhados ao 4° Distrito Policial de Santo André, onde foram registrados Boletins de Ocorrência para demais procedimentos cabíveis.

São Bernardo

Com invólucros contendo entorpecentes, três visitantes do Centro de Detenção Provisória (CDP) de São Bernardo foram flagradas pelos agentes de segurança. Dentro dos invólucros estavam substâncias análogas à maconha e à cocaína.

Em um dos casos registrado no sábado (15), a mulher confessou que recebeu o ilícito na noite anterior e o entregaria ao seu companheiro. O invólucro, assim como nos outros dois flagrantes, estava introduzido na genitália das visitantes.

Diadema

Durante a manhã de domingo (16), no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Diadema, uma anormalidade na região da pélvis de uma visitante foi detectada pelo aparelho de scanner corporal. A mulher passava pelo procedimento de revista quando os agentes identificaram um invólucro introduzido em sua genitália.

No pacote continha substâncias ilícitas características à maconha e à cocaína. O conteúdo foi recolhido pelos agentes de segurança e a visitante foi encaminhada ao 1° Distrito Policial de Diadema para realização de Boletim de Ocorrência.

Deve-se observar que visitas flagradas tentando adentrar com objetos ilícitos em unidades prisionais são automaticamente suspensas do rol de visita.

Tagged sob

Santo André inaugurou, neste sábado (15), a policlínica Campestre (rua das Figueiras, nº 2716). O equipamento começará a receber o público nesta segunda (17), das 8h às 17h, trazendo serviços básicos de ginecologia, pediatria, odontologia, além de clínico geral. A expectativa é de que 15 mil procedimentos por mês sejam realizados. 

Vale lembrar que o imóvel é da própria Prefeitura, substituindo o antigo espaço que era alugado, economizando assim cerca de R$ 8 mil reais mensais aos cofres públicos. O investimento na obra, que passou por ampliação para receber três salas de consultório, ficou em torno de R$ 585 mil, utilizando apenas recursos próprios.

"A saúde precisa trabalhar sob medida para a região em que está e a policlínica foi pensada exatamente para o bairro Campestre. Temos que destacar que não é apenas a obra, claro que é importante uma boa estrutura, mas o mais importante é a modernização, o atendimento e serviço com o melhor padrão de qualidade. Acabou a época em Santo André que serviço público ficava abaixo do serviço privado", enfatizou o prefeito Paulo Serra.

“Estamos muito satisfeitos com este novo equipamento pela localização no bairro e principalmente pela estrutura oferecida, que é a ideal para atendimentos de saúde”, disse o morador, Arlindo Corracci.

A Policlínica Campestre tinha programação de entrega para o início de 2019, mas por conta dos esforços da administração municipal teve seu início antecipado para entregar a população dos bairros Campestre, Santa Maria e Jardim consultas médicas - puericultura, pré natal, clínica médica - e também de enfermagem e odontologia, além de procedimentos como curativo, vacina, coleta de exames laboratoriais, coleta de papanicolau, administração de medicamentos, teste rápido de gravidez, sífilis, hepatite B/C e HIV. Sem contar as atividades de prevenção e promoção a saúde. Para completar, a geriatria também será instalada em sistema de plantões. Outro ponto é que a equipe de atendimento crescerá em 40%, com mais dez pessoas sendo contratadas.

"Estamos cumprindo mais uma meta dentro do programa. Temos a tarefa de até o dia 31 de dezembro colocarmos todas as unidades em funcionamento e estamos trabalhando forte para isso. Este equipamento do Campestre foi totalmente remodelado e readequado, está pronto para atender satisfatoriamente a população da região", comentou o secretário de Saúde, Márcio Chaves.

Dentro do programa Qualisaúde, esta é a terceira unidade inaugurada com melhorias essenciais para a população. O primeiro de onze novos  equipamentos foi a UPA Bangu, entregue em abril de 2018, e em agosto aconteceu a inauguração da Unidade de Saúde da Família do Jardim Ciprestes. Outros oito serviços serão reinaugurados até o final deste ano. Dentro dos próximos 30 dias, o Jardim Bom Pastor também receberá um novo equipamento, além do Centro de Especialidades, no Centro.

Tagged sob

Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu