28 Nov 2021


Prévias à presidente do PSDB começam, nesta segunda (20)

Publicado em Política
Avalie este item
(0 votos)

As prévias do PSDB para definir o candidato à presidência da República em 2022 começam, nesta segunda (20), tendo a disputa mais concentrada entre os governadores de São Paulo, João Doria, e o do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite. Também estão no páreo o senador Tasso Jereissati (CE) e o ex-senador Arhtur Virgílio (AM).

As inscrições para a disputa acontecem, nesta segunda (20) e, pelo calendário definido pela Executiva Nacional, os postulantes a presidenciável terão, pela frente, dois meses de campanha. O primeiro turno está marcado para 20 de novembro. No dia 28 de novembro será realizado o segundo turno, se necessário.

Por decisão da Executiva, o partido dividiu o colégio eleitoral em quatro grupos, cujos votos terão pesos diferentes: Grupo 1 (filiados sem mandato); Grupo 2 (prefeitos e vice-prefeitos); Grupo 3 (vereadores, deputados estaduais e distritais) e Grupo 4 (governadores, vice-governadores, senadores, deputados federais, ex-presidentes e integrantes da Executiva Nacional).

Os votos dos filiados com mandatos, como prefeitos e deputados, terão mais peso na decisão. Com isso, os pré-candidatos tendem a negociar com as bancadas federais, estaduais e municipais. O PSDB possui três governadores, sete senadores, 33 deputados federais e distritais, 520 prefeitos e 4.377 vereadores.

Após a inscrição, os pré-candidatos deverão impulsionar os roteiros pelos estados, em busca dos apoios em aberto, o que acirrará a disputa interna no ninho tucano. Doria já esteve em dez Estados, enquanto que Leite visitou 12.

Encontro com tucanas- No sábado (18), o governador de São Paulo, João Doria, e candidato às prévias, participou de encontro com tucanas, ao lado da presidente do PSDB Mulher, Yeda Crusius, onde foi realizado bate-papo com filiadas e lideranças tucanas de todas as regiões do Brasil.

Na ocasião, Doria anunciou que se for o escolhido pelo partido, terá uma mulher como vice na sua chapa em 2022. Ainda assinou a Carta-Compromisso do Secretariado Nacional da Mulher/PSDB priorizando a igualdade de gênero na política. O documento foi entregue a todos os presidenciáveis do partido.“Queremos uma vice, mulher, na Presidência da República. Superadas as prévias, se tivermos a oportunidade de vencer e se vencer, vamos dialogar com todos os partidos e vamos buscar uma mulher na chapa à Presidência da República”, afirmou o tucano.

Yeda esclareceu que: “O PSDB-Mulher dá total autonomia para suas mulheres escolherem seus candidatos”.

(Foto: Governo do Estado do RS)

Última modificação em Segunda, 20 Setembro 2021 09:56
Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Main Menu

Main Menu