15 Dec 2018


Manente: “Intervenção é medida amarga, mas imprescindível”

Publicado em Política
Avalie este item
(0 votos)

O líder do PPS na Câmara, deputado federal Alex Manente (SP), afirmou que a segurança do estado do Rio de Janeiro chegou uma situação delicada que não havia outra saída a não ser a decretação da intervenção federal.

O decreto que transfere para o Exército o comando da segurança pública fluminense foi assinado nesta sexta-feira pelo presidente Michel Temer (PMDB).

Para Alex Manente, o Congresso Nacional não fugirá à sua responsabilidade de endossar o decreto presidencial.

“O decreto é uma medida amarga, já que suspende funções e prerrogativas de órgãos de segurança estadual, mas a intervenção foi algo imprescindível diante do quadro observado nos últimos meses no Rio de Janeiro. Torcermos que para os Poderes da República, em um esforço conjunto, resolvam o mais rapidamente possível esta situação”, destacou o parlamentar do PPS.

Para o líder do PPS, a área de segurança no Rio de Janeiro passava e passa por um dos momentos mais críticos e exigia uma pronta resposta das autoridades.

“Creio que se chegou a uma situação extrema e gravíssima em que foi necessária a manutenção da integridade nacional. O presidente da República fez a sua parte, agora, a responsabilidade é nossa, do Congresso Nacional. O povo pode ficar tranquilo que o Parlamento tomará todas as medidas cabíveis para resolver este quadro“, acrescentou o parlamentar.

A previsão é que o decreto de intervenção no estado do Rio de Janeiro seja votada nesta semana no Congresso Nacional.

 

Última modificação em Terça, 20 Fevereiro 2018 11:02
Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Website.: www.folhadoabc.com.br/media/k2/users/anos.png

Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu