28 Sep 2020

Ribeirão Pires tem programação de conscientização neste mês em que é celebrada a Semana Nacional do Trânsito - realizada anualmente entre, sexta (18) e sexta (25). Agentes da Prefeitura estão realizando atividades para chamar a atenção de pedestres e condutores sobre importância do respeito às leis de trânsito, para evitar acidentes.

O tema da Semana Nacional do Trânsito é “Perceba o risco, proteja a vida”. A Secretaria de Transportes e Trânsito já iniciou as ações com a “Operação Travessia Segura”.  Agentes orientam motoristas a reduzirem a velocidade em faixas de pedestre onde não há semáforos, priorizando a travessia, com segurança, de pessoas. Para pedestres, a orientação é sempre utilizar a faixa e, onde houver semáforo, respeitar a sinalização. As normas estão estabelecidas no Código Brasileiro de Trânsito.

A operação está sendo realizada diariamente nos principais pontos da cidade. Nessa semana, as equipes atuaram nas seguintes vias centrais: João Domingues de Oliveira; Kaethe Richers; Boa Vista; Francisco Monteiro e Miguel Prisco. A ação também contará com o personagem Mister Mão.

Bloqueios educativos nas principais vias da cidade também serão realizados durante a Semana Nacional do Trânsito. Nas atividades, os agentes de trânsito irão distribuir informativos, com o objetivo de orientar condutores e demais ocupantes dos veículos quanto ao respeito à legislação de trânsito.

As vias que recebem as operações são selecionadas de acordo com dados do Infosiga (Sistema de Informações Gerenciais de Acidentes de Trânsito do Estado de São Paulo). A programação está sendo realizada dentro dos protocolos sanitários e de segurança contra à Covid-19.

A Scania Latin America anuncia o início das inscrições para o Programa de Estágio 2021. São 58 vagas, com início previsto para fevereiro de 2021. As inscrições vão até o dia nove de outubro e devem ser feitas no site: http://ciadeestagios.com.br/scania. Todo o processo seletivo será feito online.

Entre as novidades, o Programa de Estágio Scania 2021 passa a aceitar alunos de qualquer semestre, tanto de cursos de graduação quanto técnicos. Outra mudança é no nível necessário da língua inglesa. Antes, os candidatos precisavam ter, no mínimo, nível intermediário. O atual programa não tem tal exigência, aceitando candidatos que conheçam o básico do idioma.

“A Scania é para todos e queremos trabalhar ainda mais com diversidade e inclusão em nosso recrutamento, por isso, abriremos a oportunidade para candidatos de qualquer semestre e sem a necessidade de conhecimento profundo da língua inglesa.” conta Danilo Rocha, Vice-Presidente de Recursos Humanos da Scania Latin America. “A nossa jornada de sustentabilidade prescinde diversidade e inclusão – além de ser um imperativo ético, é uma forma clara de melhoria para os negócios”, destaca.

O programa de estágio para o próximo ano também traz mudanças em sua estrutura, com maior foco no desenvolvimento do estudante para competências do futuro, com uma grade de treinamentos técnicos e comportamentais, com temas importantes como autoconhecimento, comunicação, gerenciamento de carreira e outros que vão auxiliar no desenvolvimento profissional e pessoal.

São oferecidas trilhas de aprendizagem a todos os colaboradores, que trazem ensinamentos sobre ciência de dados, sustentabilidade, digitalização, diversidade e inclusão, segurança da informação, metodologia ágil e, ainda, especialmente para os novos estagiários, a formação de um grupo de estudos dentro da Scania para estudo da língua inglesa.

“Os jovens que chegarem no próximo ano terão a oportunidade de contar com uma trilha de conhecimento que expande a atuação da Scania e do mercado em si, trazendo a conhecimentos que serão importantes para o futuro, sejam técnicos ou comportamentais. Enxergamos as pessoas de maneira holística, ou seja, completa, cidadão e profissional”, pontua Rocha.

O processo seletivo será feito em 5 etapas, começando pela inscrição, passando pelo Internship Game e testes online, painel de negócios com aplicação de dinâmica/jogo e entrevista com os gestores, que será entre outubro e novembro, até a admissão, entrega de documentos e o início do estágio em fevereiro de 2021.

O estágio é para atuar na planta da empresa em São Bernardo do Campo e está disponível para alunos que estejam cursando a p Administração, Economia, Contábeis, Engenharias, Direito, Marketing, Comunicação, Publicidade e Propaganda, Comércio Exterior, Secretariado, Análise de Sistemas, Ciência da Computação e cursos afins, Relações Públicas, Psicologia, Jornalismo, Gastronomia, Técnico Mecânica/Mecatrônica, Técnico Logística, Técnico Cozinha, Nutrição, entre outros. As vagas são de 4 e 6 horas diárias, com flexibilidade de horário e exigem conhecimento intermediário de Pacote Office e básico na língua inglesa.

Além da bolsa-auxílio, as vagas de estágio da Scania oferecem outros benefícios, como: recesso remunerado, programa de desenvolvimento, restaurante no local, vale-alimentação, fretado e auxílio-transporte, estacionamento, seguro de vida, assistência médica e odontológica, ambulatório médico, desconto na compra de veículo Volkswagen e o Clube Scania.

O distanciamento social não está sendo fácil para ninguém, principalmente para alunos e professores que conviviam diariamente no ambiente escolar. Para diminuir um pouco esse afastamento, neste sábado (19), das 9h às 12h, o Colégio Singular São Caetano promoverá a entrega do último exemplar do Caderno Anglo para os alunos do Ensino Fundamental I.

Nesse dia, cerca de 300 famílias passarão pelo drive-thru para a retirada do material e serão recepcionadas por professores, coordenadores, direção e alguns personagens da Turma da Mônica.

De acordo com a coordenadora pedagógica Cristiane Conte, a atividade seguirá todos os protocolos de segurança com distanciamento, uso de máscaras e álcool em gel. “O contato entre alunos e professores será de longe. A ideia é realmente aproveitar a ocasião para matar a saudade e, ao mesmo tempo, celebrar a valorização da vida, pregada pela campanha Setembro Amarelo”, revela.

A Sodiê Salgados Café inaugurou, na terça (15), às 14h, a primeira unidade no modelo de franquia no bairro do Tatuapé, em São Paulo. A marca, idealizada por Diego Rabaneda, apaixonado por gastronomia, tem como inspiração a história de sucesso de Cleusa Maria da Silva, sua mãe e fundadora da marca Sodiê Doces, maior franquia de bolos artesanais do país. O investimento total para a abertura de uma franquia é de 300 mil.

Em 2017 na cidade de Boituva, interior de São Paulo, Rabaneda inaugurou a fábrica de salgados em uma área de 1,3 mil m² com capacidade de produção diária de 80 mil produtos para abastecer as mais de 300 unidades da Sodiê Doces localizadas em todo território nacional.

“O projeto inicial era atender os clientes da marca Sodiê Doces com um produto salgado com a mesma qualidade dos bolos e que seria servido nas lojas antes de uma fatia de bolo ou que fosse levado para casa em festas, encontros e confraternizações”, explica Rabaneda.

“A produção dos salgados conquistou o paladar dos consumidores e a ideia de comercializar a marca como franquia começou a ser estudada logo após o sucesso das vendas”, continua Diego.

A marca tem mais de 25 receitas próprias e exclusivas de salgados (coxinha de carne, de frango, com requeijão, quibe tradicional e recheado, pastel assado de frango, calabresa, bacalhau, carne seca, bolinha de queijo, requeijão e travesseirinho de presunto e queijo) com diversos recheios para consumo imediato no formato tradicional e na versão mini, que o cliente pode comprar congelado ou levar quente para casa.

Desenvolvidos ao longo de 3 anos de operação, novos sabores se juntam aos já existentes: empada de atum com palmito, quiches de 4 queijos, camarão, atum com palmito, pastel de presunto com queijo minas, tortas de frango com brócolis e queijo, atum com palmito, mini coxinhas de brócolis com bacon, carne seca com abóbora, palmito, calabresa grill, frango grelhado, mini bolinhas de 4 queijos, calabresa com queijo e pão de queijo.

“A colaboração de consultores, nutricionistas e franqueados da Sodiê Doces, o resultado excelente dos negócios e a consolidação da primeira unidade mostram que estamos desenvolvendo um trabalho aprovado pela maioria e um modelo de negócios bem-sucedido”, afirma Diego.

Além do abastecimento das lojas franqueadas Sodiê Doces e agora Sodiê Salgados, a produção também será comercializada no setor de alimentação fora do lar: supermercados, padarias e lojas de conveniência.

“O objetivo da franquia é compartilhar nosso conceito de negócios com outros empreendedores, fortalecer a marca e levar ao consumidor um produto com muita qualidade e excelente atendimento. Aprendi com minha mãe, fundadora da Sodiê Doces, que abraçando as oportunidades e com muito trabalho alcançamos o sucesso”, finaliza Rabaneda.

O levantamento do Conselho de Turismo da FecomercioSP, com base em números divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), aponta que o turismo nacional sofreu queda de 50,3% no faturamento de julho, em relação ao mesmo período do ano passado. O setor registrou faturamento de R$ 7,2 bilhões, ou seja, R$ 7,3 bilhões a menos do que há um ano, quando o valor havia sido de R$ 14,5 bilhões. A previsão é de que estes resultados melhorem a partir de setembro, em decorrência dos feriados nacionais.

 Segundo a Federação, entre as atividades do setor, o transporte aéreo segue como o mais impactado, com queda anual de 78,1% e já acumula perda no ano de 46,7%. Os dados convergem com os últimos números divulgados pela Agência Nacional da Aviação Civil (Anac), indicando que, em julho, a oferta de assentos no mercado doméstico caiu 76,3%, e a demanda, 78,9%. Na sequência, o grupo de alojamento e alimentação, que registrou retração de 54,5%, em julho, na comparação anual.

 Para recuperar o fôlego, acesso ao crédito é essencial para os empresários obterem os melhores resultados na retomada. A aprovação e a sanção da Média Provisória 963, que aportou R$ 5 bilhões ao Fundo Geral do Turismo (Fungetur), foi de extrema importância ao setor. O Ministério do Turismo e o DesenvolveSP fecharam um acordo para destinar mais R$ 400 milhões às empresas do setor no estado. Os interessados podem requisitar os recursos de maneira direta pelo site, sem precisar passar por intermediários financeiros, o que ajuda na redução da burocracia.

 Nos próximos meses, a tendência é de que agosto apresente um desempenho similar aos anteriores. Ao que tudo indica, o turismo nacional apresentará melhora em setembro, em decorrência dos feriados nacionais, como o da Independência do Brasil, no dia 7. Esse pode ser o ponto de partida para a recuperação do setor no País, já que há outro feriado importante logo na sequência, em 12 de outubro (dias de Nossa Senhora de Aparecida e das Crianças).

 Embora algumas cidades e Estados tenham antecipado os feriados, ainda há espaços no calendário para os turistas aproveitarem, o que deve aumentar cada vez mais a procura por voos, sobretudo a partir de janeiro de 2021. Por isso, os empresários devem preparar desde já as suas ofertas e o planejamento de vendas, deixando sempre claro ao consumidor as condições de cancelamento, para que tomem a decisão correta na compra, a fim de evitar riscos desnecessários.

 Dicas aos empresários

Nesta fase de reabertura gradual, o Conselho de Turismo da FecomercioSP aponta que a demanda por viagens de curta distância para regiões próximas dos grandes centros – seja interior, seja litoral – está crescendo, uma vez que muitas famílias estão cansadas de ficar em casa e buscam viagens rápidas para ter mais espaço e lazer. Este é um fenômeno que tem sido chamado de “turismo de isolamento”, uma grande oportunidade para empresas de locação de veículos, transporte rodoviário, hotelaria, restaurantes, entre outros.

 Ainda, é importante pensar que a realização de parcerias locais aumenta a possibilidade do estabelecimento de preços mais acessíveis, o que chama a atenção dos turistas. Ou seja, um hotel pode oferecer desconto de um translado e um combo de alimentação especial de algum restaurante da região. Neste momento, não adianta pensar somente no próprio negócio, mas em toda a cadeia, para que mais recursos possam circular, e, com isso, contribuir para a geração de emprego e distribuição de renda.

 Para minimizar os prejuízos, FecomercioSP recomenda também que os empresários se aproximem cada vez mais dos consumidores por meio das redes sociais, como o Instagram, a fim de apresentar as possibilidades de se realizar um turismo seguro. Assim, é importante informar, em tempo real, as medidas sanitárias realizadas, assim como a disponibilização dos serviços prestados, iniciativas que certamente despertam o interesse dos clientes por voltar a viajar, mantêm a credibilidade da empresa e reforçam a confiança do viajante.

Seguindo sua estratégia de eletrificação, a Volvo Car Brasil lança o Volvo Wallbox, uma estação de carregamento domiciliar que pode ser adquirida por qualquer pessoa e instalada facilmente em residências ou comércios.

“O novo Volvo Wallbox traz diversas vantagens. A primeira é que pode ser adquirida por clientes de várias marcas, já que é compatível para recarga de todos os modelos de veículos plug-in hybrid (plug tipo 2). Outro diferencial é o preço, muito abaixo daqueles que são comercializados atualmente no mercado”, afirma João Oliveira, diretor geral de operações e inovação da Volvo Car Brasil.

Com uma nova tecnologia de ponta, o modelo está disponível nas concessionárias da marca em todo o Brasil e é de fácil instalação, necessitando apenas de uma ligação de 220v com aterramento. O aparelho pode ser usado em qualquer veículo que tenha o plug tipo 2.

O Volvo Wallbox tem design moderno, arrojado e facilita o dia a dia do usuário de um carro híbrido. O cabo já fica acoplado no aparelho e pode ser organizado no próprio carregador. Basta estacionar e plugá-lo no veículo. Através do aplicativo, é possível acompanhar todo o processo de recarga.

Eletrificação está no DNA da Volvo Cars

A companhia tem a visão de ser neutra em relação ao clima em toda a sua cadeia de operações até 2040, o que significa que apoiará as ambições estabelecidas no Acordo Global de Paris para limitar o aquecimento global em 1,5 grau.

Desde 2019, todos os novos veículos Volvo lançados no Brasil tem motor elétrico, criando um portfólio de veículos eletrificados em toda a linha através de modelos totalmente elétricos, híbridos plug-in e híbridos leves.

Em junho deste ano, a fábrica de Chengdu, na China, passou a ter 100% de sua energia proveniente de fontes renováveis, reduzindo as emissões de CO2 em mais de 11.000 toneladas por ano. Este é o último passo em direção à ambição da Volvo Cars de ter uma fabricação neutra em termos de clima até 2025. Todas as fábricas europeias têm fornecimento de eletricidade neutro em termos de clima desde 2008.

A meta da Volvo Cars é ter 50% das vendas globais de carros totalmente elétricos até 2025, com os demais híbridos. Hoje a marca comercializa no Brasil os modelos híbridos das linhas XC40, XC60, XC90, S60 e S90.

Eletropostos em diversas cidades do Brasil

A Volvo Car Brasil já tem cerca de 350 eletropostos públicos instalados em várias partes do Brasil e, até o fim de 2020, esse número chegará à 700 eletropostos. Os Eletropostos Volvo encontram-se em locais de grande circulação, como supermercados, shoppings, lojas de departamento, entre outros. Não há custo para fazer o abastecimento, basta chegar, estacionar, e ligar o carregador no veículo. E, assim como o Volvo Wallbox, pode ser usado por clientes de várias marcas que possuem veículos híbridos e elétricos com plugs tipo 2. Esses locais podem ser facilmente encontrados pelos aplicativos Waze e Google Maps. Basta digitar “Eletroposto Volvo” e traçar a rota para o lugar mais próximo.

Valor especial de lançamento

O Volvo Wallbox pode ser adquirido diretamente nas concessionárias Volvo Car em todo o Brasil. O preço especial de lançamento é R$ 6.499.  


Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu