07 Aug 2020

O Consórcio Intermunicipal do ABC protocolou, na quinta (16), ofício solicitando esclarecimentos ao Governo do Estado sobre os critérios para a retomada das aulas e demais atividades presenciais, determinados no Decreto Estadual 65.061/2020.

No documento, encaminhado à secretária estadual de Desenvolvimento Econômico, Patricia Ellen, o órgão que representa a união das sete prefeituras do ABC afirma que o entendimento da região é de que os cursos livres e de capacitação, como cursos de inglês, artesanato, direção, manicure, entre diversos outros não regulados pelo Ministério da Educação, devem ser ordenados de acordo com os critérios do setor de serviços.

O entendimento tem como base a Deliberação 11 do Comitê Administrativo Extraordinário Covid-19, publicada no último dia 6 de julho, respeitando a capacidade máxima permitida e com período de funcionamento de acordo com a atual fase em que o ABC se encontra no Plano São Paulo (faixa amarela), sem a definição de teto de horário.

O ofício afirma ainda que, em relação às instituições de ensino superior e profissionalizante, entende-se que está autorizada a retomada, além de internato e estágio, as aulas práticas e laboratoriais de cursos relacionados à área da saúde exclusivamente, após 14 dias subsequentes na fase amarela. Desta forma, deve-se evitar a retomada de outros cursos neste momento, com o objetivo de não promover aglomerações nem sobrecarregar o transporte público.

O presidente do Consórcio ABC e prefeito de Rio Grande da Serra, Gabriel Maranhão, afirmou que o objetivo da solicitação dos municípios é a orientação para prosseguir com a retomada gradual e segura das atividades na região.

“Esses esclarecimentos por parte do Governo do Estado são importantes para que as cidades possam alinhar conjuntamente suas ações e decretos de retomada dessas atividades, conforme as diretrizes do Plano São Paulo”, afirmou Maranhão.

Os donos de bares de Santo André se reuniram, na terça (14), para apoiar a política de abertura dos estabelecimentos na cidade até as 23h30, conforme decreto municipal. O encontro aconteceu no Old Town English Club, Rua das Pitangueiras, 345 – bairro Jardim com a presença limitada a cerca de 12 empresários.

A mobilização é liderada pelo Sehal (Sindicato das Empresas de Hospedagem e Alimentação do Grande ABC). Além de apoiar a política do prefeito Paulo Serra, de Santo André, os empresários querem lançar a ideia de que os outros municípios do ABC podem adotar a mesma iniciativa.

“Estamos mostrando que a política empregada em prol da coletividade é muito importante e pode repercutir em amplo benefício. Mostramos também que, com essa ação, é possível fazer uma política bem feita. Aliás, foi essa política que fez fechar e que fez abrir”, explica o presidente em exercício do Sehal, Wilson Bianchi.

O presidente licenciado Beto Moreira também esteve presente na reunião, na qual o grupo também decidiu fazer um vídeo de agradecimento à política do prefeito municipal.

“Precisamos tentar seguir em frente depois de um grande baque que sofremos com a crise da Covid-19 que obrigou ao isolamento social e fechamento dos estabelecimentos. Muitos nem reabriram, tamanha a dificuldade. O pior ainda está por vir, aqueles que reabriram podem ainda não se sustentar. Ou seja, a quebradeira deverá ser maior que a primeira”, explica Francisco Montiani Martins, conhecido como Kiko, dono do pub Old Town.

No final de 2016, a Chocolat du Jour desconstruiu o tradicional panetone e o apresentou em cortes rústicos, cobertos com o exclusivo chocolate da marca.

Nascia assim o Choco Pane, que logo ganhou novas versões, como o Choco Choco Pane, com gotas de chocolate no recheio. O sucesso foi imediato.

Neste ano sem calendário, decidimos lançar em julho uma edição especial do Choco Pane e do Choco Choco Pane. O propósito é despertar, através de sabores tão ligados a deliciosas lembranças, os sentimentos inerentes as festas de final de ano, como união, alegria e esperança.

Assim,  10% da arrecadação com as vendas desta edição limitada será revertida para o Projeto Velho Amigo, que atende idosos em situação de vulnerabilidade social através do Núcleo de Convivência na comunidade de Heliópolis e em 16 instituições apoiadas. Conheça o prejeto: https://www.velhoamigo.org.br/

A Prefeitura de São Caetano, através da Sedeti (Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo, Tecnologia e Inovação), realizou, na terça (14), a 1ª Reunião Ampliada do Comdec (Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico).

O encontro, de forma online, contou com a mediação do Secretário de Desenvolvimento Econômico, Fernando Trincado e a participação do chefe de Gabinete, Bruno Vassari, além  de conselheiros como o Diretor de relações Institucionais da GM, Daniel Caramori, o Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos Aparecido Inácio da Silva ( Cidão), o secretário de Segurança, Jorge Martins Salgado, o ex-reitor da USCS (Universidade Municipal de São Caetano do Sul), Marcos Sidnei Bassi, entre outros convidados. Ao todo, 38 pessoas participaram da teleconferência.

A reunião teve como pauta as ações da Prefeitura no apoio ao setor empresarial, durante o período de combate ao Covid-19, com destaque para  a disponibilização de plataforma de e-commerce, de forma gratuita, para os empreendedores da cidade, além da Sala de Crédito, uma parceria com os agentes financeiros públicos e privados,  no sentido de orientar as empresas,  sobre as principais linhas de crédito do mercado e agilizar as operações.

O Dr. Bruno Vassari discorreu sobre a retomada das atividades econômicas e o que muda com a fase amarela de flexibilização em São Caetano. Na sequência o Professor Marcos Bassi apresentou aos conselheiros, aspectos sobre uma pesquisa com empresários da cidade, que trará importantes informações para adoção de medidas para a revitalização econômica pós pandemia.

“São Caetano tem uma economia pujante, são mais de 33 mil CNPJs ativos, 108 mil empregos formais, sede de grandes empresas, referências nacionais em seus setores, como GM (Indústria), Casas Bahia (Comércio) e Manserv (Serviços). Além disso contamos com um setor acadêmico de excelência, o que garante a formação qualificada nas mais diversas áreas e um consequente ambiente inovador. Aliado a localização privilegiada, infraestrutura tecnológica e bons aspectos logísticos.  São fatores que fazem o nosso ecossistema econômico absolutamente diferenciado e inovador, proporcionando uma maior competitividade para nossas empresas. A participação da sociedade organizada, em conjunto com o setor público, tem o poder de catalisar o processo de desenvolvimento e da retomada econômica ”, explicou o secretário de Desenvolvimento Econômico,  Fernando Trincado.

A Prefeitura de São Bernardo realizou, na quinta (16), a abertura oficial do Parque Jardim Ipê, no Grande Alvarenga, à população. O equipamento, que é o segundo maior do município, oferece estrutura completa de lazer e esporte, além de base da Guarda Civil Municipal (GCM) 24 horas. A liberação é resultado do avanço da cidade no Plano São Paulo, do Governo do Estado, em resposta aos esforços empenhados pela Prefeitura no combate ao Coronavírus.

Embora tenha sido inaugurado em meados de junho, o Parque Jardim Ipê permanecia fechado ao público por conta da pandemia causada pelo Coronavírus. Em visita ao local na manhã de hoje, o prefeito Orlando Morando ressaltou a importância do equipamento de lazer para a comunidade. “Estamos oferecendo uma estrutura completa de lazer e esportes para os moradores, algo que essa comunidade sentia falta e agora não vai mais precisar ir para o Centro da cidade para ter acesso. Melhoramos uma área onde existia uma ocupação antiga, após remanejarmos as famílias para lares dignos. Agora é aproveitar com sabedoria e cuidar do parque, que é da cidade”.

Instalado em área de 48 mil m², o Parque Jardim Ipê conta com infraestrutura completa, com 4 playgrounds, 2 academias ao ar livre, 2 praças públicas, uma quadra de vôlei de areia, pista de caminhada, pista de skate, mirante, além de uma base 24h da Guarda Civil Municipal e seis boxes comerciais que integram centro comercial. Em extensão, o equipamento fica atrás apenas do Parque Estoril, no bairro Riacho Grande, considerado o maior do município, com 373 mil m² de área total.

“Ficou uma maravilha. Estávamos precisando de uma área como essa no nosso bairro. Com certeza vou usar para fazer caminhada todos os dias”, comemora a artesã Tereza de Jesus, 53 anos, moradora do Jardim Detroit. Para a dona de casa Maria Gomes, 68, que há 43 anos reside no Alvarenga, o Novo Parque Jardim Ipê trouxe qualidade de vida para a população. “Melhorou muito a nossa região, deixou a área mais bonita”, diz.

A construção do Parque Jardim Ipê integra projeto de urbanização e remanejamento de moradias em área de proteção ambiental da região do Grande Alvarenga, abrangendo os assentamentos Sítio Bom Jesus, Alvarenga Peixoto, Divineia, Pantanal I e II, Jardim Ipê e Detroit. Foram investidos R$ 5,16 milhões na construção.

PROTOCOLOS SANITÁRIOS – Neste primeiro momento, o Parque Jardim Ipê funciona com até 40% da sua capacidade máxima. Os frequentadores com idade a partir de 2 anos de idade devem utilizar máscaras e é realizada aferição de temperatura de todos os colaboradores e visitantes por meio de termômetro digital infravermelho (de testa) na entrada. Os visitantes também têm à disposição álcool em gel 70% nas dependências do equipamento para a higienização das mãos.

Por enquanto, não serão abertas quadras, academias ao ar-livre, pistas de skate e playgrounds. Também não será permitida a utilização de bebedouros a fim de evitar focos de contaminação da Covid-19. O funcionamento do parque é das 6h às 22h.

Os dez parques municipais de Santo André serão reabertos, nesta sexta (17), após quase quatro meses fechados como medida para conter a disseminação do coronavírus. Os equipamentos estão com as atividades suspensas desde 21 de março e abrirão os portões com diversos protocolos de segurança.

Para frequentar os parques será obrigatório utilizar máscara, respeitar distanciamento mínimo de 1,5 metro entre as pessoas, seguir demarcações colocadas nos gramados para evitar aglomerações e usar copos e garrafas próprias para utilizar os bebedouros. Não será permitida a realização de eventos.

Como parte dos preparativos para a reabertura, os maiores parques da cidade (Central, Celso Daniel, Ipiranguinha, Parque Regional da Criança e Chácara Pignatari) receberam equipes de desinfecção nesta semana.

“Santo André se preparou e está no caminho certo. Equipamos a Saúde, nos antecipamos ao vírus e estamos retornando à nova normalidade de forma consciente e responsável, com ações inovadoras. E com a reabertura dos parques não seria diferente. Fizemos a lavagem e desinfecção dos espaços públicos e delimitamos a área de ocupação, dentro dos protocolos sanitários e de segurança, respeitando o distanciamento social. Nossa cidade é referência no combate ao coronavírus graças à adesão e responsabilidade da nossa gente, que entendeu a gravidade da pandemia e age com solidariedade e respeito ao novo normal”, destacou o prefeito Paulo Serra.

Cada parque estará com apenas um acesso aberto e haverá totens com álcool em gel na entrada. Além disso, serão realizadas ações de prevenção móvel contra o coronavírus, por meio de equipes que vão distribuir máscaras, disponibilizar álcool em gel e aferir a temperatura dos frequentadores.

“A retomada das atividades nos parques acontecerá de forma gradual. Nesta primeira fase, serão adotados diversos procedimentos e protocolos de higiene que têm como objetivo garantir a saúde de todos”, afirmou o secretário de Meio Ambiente, Fabio Picarelli.

Está liberada a utilização de áreas abertas ou amplamente arejadas, como pistas de caminhada, academias, quadras de tênis, pistas de skate, entre outros espaços para a prática de atividades individuais, desde que observado o distanciamento mínimo obrigatório. Os espaços Pet Parque, para as atividades com cães, poderão funcionar desde que observada a capacidade do local, para evitar aglomerações.

“Para evitar a concentração de muitas pessoas, criando um ambiente favorável à disseminação do vírus, ficam proibidas, nesta primeira fase de reabertura, a prática de qualquer atividade coletiva esportiva ou recreativa e o uso das áreas coletivas, como quadras poliesportivas, churrasqueiras, parquinhos, brinquedotecas, entre outros”, explicou Picarelli.

A segunda fase de reabertura, com a ampliação da utilização dos outros espaços dos parques públicos, terá início mediante nova avaliação dos critérios e condições epidemiológicas da cidade.

Horário de funcionamento – A partir desta sexta-feira, os parques de Santo André abrirão às 6h e funcionarão todos os dias da semana, incluindo sábados e domingos. O horário de fechamento varia de acordo com cada local. Os parques Celso Daniel, no bairro Jardim, Central (Parque José Cicote), na Vila Assunção e Antonio Pezzolo (Chácara Pignatari), na Vila Metalúrgica, estarão abertos até às 19h.

Os demais parques funcionarão das 6h às 18h: Antonio Flaquer (Ipiranguinha), na Vila Alzira; Ana Brandão (Parque da Juventude), no Jardim Ipanema; Cidade dos Meninos, no Parque Novo Oratório; Parque Regional da Criança Palhaço Estremilique, no Parque Jaçatuba, além dos parques Ulisses Guimarães, na Vila Francisco Matarazzo; Norio Arimura, no bairro Capuava; Parque Escola, no bairro Valparaíso e o Parque do Pedroso, que é uma Unidade de Conservação.

As regras para reabertura dos parques de Santo André constam em decreto do prefeito Paulo Serra publicado nesta quinta (16).

Manutenção – Durante o período em que estiveram fechados, todos os parques de Santo André passaram por manutenção de rotina, com equipes trabalhando em esquema de revezamento para evitar aglomerações, com máscara, álcool em gel, respeitando o distanciamento e fora dos horários de pico.

Além disso, algumas ações de difícil realização devido à necessidade de interdição de espaços muito utilizados pelo público puderam ser concretizadas no período, como a pintura e revitalização dos playgrounds do Parque Celso Daniel, do Parque Antonio Pezzolo (Chácara Pignatari) e do Parque Regional da Criança Palhaço Estremilique, que também teve o campo de futebol e as pistas de corrida e caminhada revitalizados.


Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu