17 Feb 2019

A Braskem acredita no poder socioeducativo do esporte e, com o objetivo de contribuir para desenvolvimento social das comunidades onde está inserida, destinou mais de R$ 2 milhões para o apoio de cinco projetos na região de Santo André e Mauá. O aporte, realizado em 2018 e com duração de um ano, foi realizado por meio da Lei Paulista de Incentivo ao Esporte, que possibilita às empresas do estado de São Paulo colaborarem com iniciativas desenvolvidas para a sociedade civil. Ao todo, os projetos beneficiarão mais de 1.600 moradores do ABC.

Flávio Chantre, gerente de Relações Institucionais da Braskem, explica que o apoio a projetos sociais é realizado anualmente pela companhia, que considera a Lei Paulista de Incentivo ao Esporte uma grande vantagem para empresa e município, pois beneficia a comunidade por meio de um tributo já recolhido. "Acreditamos que escolher o destino de uma parcela do imposto pago é uma grande oportunidade de deixar um legado para a região onde atuamos. Ficamos muito satisfeitos em colaborar com os projetos, pois acreditamos na transformação que o esporte traz e em seu poder de integração social", afirma o executivo.

Veja abaixo a lista de projetos apoiados pela companhia e como participar:

Embaixadores do Esporte- O projeto oferece aulas de natação para 360 jovens, de 6 a 17 anos, e para 80 idosos com mais de 60 anos. As vagas para 2019 já estão preenchidas, interessados em entrar para a lista de espera podem se inscrever na sede do programa: Avenida Presidente Artur da Costa e Silva, 1178 – Parque Capuava, Santo André.

SECI Social- O projeto oferece aulas de futebol para 450 jovens, de 6 a 17 anos. As vagas para 2019 já estão preenchidas, interessados em entrar para a lista de espera, podem se inscrever na sede do programa: Rua Ilíria, 73 – Parque Capuava, Santo André (SP).

Educando pelo Esporte (Basquete Mauá)- O projeto oferece aulas de basquete para 300 jovens, de 6 a 17 anos. As vagas para 2019 ainda estão abertas e os interessados podem se inscrever nos núcleos do programa: FIEC – rua Brasil, 1548 – Parque das Américas, Mauá; Escola de Samba Unidos do Silvia Maria – rua Francisco Alves, 638 – Sonia Maria, Mauá; Ginásio Antonio Decresci – rua Paraná, S/N – Nova Era, Caieiras.

Química do Esporte- O projeto oferece aulas de tênis para 360 jovens, de 6 a 12 anos. As vagas para 2019 ainda estão abertas e os interessados podem se inscrever na Escola Municipal Profª Neuma Maria da Silva, onde as aulas são ministradas. Avenida Barão de Mauá, 3609 - Jardim Maringá-Mauá.

Ginástica Rítmica Mauá- O projeto oferece aulas de ginástica rítmica para 400 jovens, de 4 a 18 anos. As vagas para 2019 já estão preenchidas, interessados em entrar para a lista de espera podem se inscrever na sede do programa: avenida Barão de Mauá, 3609 – Jardim Maringá, Mauá.

A Acisbec (Associação Comercial e Industrial de São Bernardo) e Adesg (Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra) realizaram palestra sobre Segurança Pública com comandante do CPA/M6 Coronel PM Ronaldo Gonçalves Faro. O evento aconteceu na terça (5) na sede da Acisbec, em São Bernardo, e reuniu integrantes da diretoria, empresários e autoridades locais. O evento destacou a importância da segurança pública e parcerias para diminuir as incidências de crimes e roubos na região.

Na ocasião, Valter Moura, afirmou: “nossa constituição, no artigo 144, esclarece que a segurança pública é dever do Estado, mas o direito e a responsabilidade são de todos. Quando houver simbiose entre sociedade e a Polícia Militar será muito melhor. Aqui na Acisbec procuramos atuar para mitigar a violência na nossa região e até no País”, afirmou.

Coronel Faro apresentou aos participantes a estrutura da Polícia Militar e estratégias de atuação para combater o crime e preservar a ordem pública no ABC. De acordo com o comandante, alguns indicadores criminais diminuíram na região no ano passado em relação a 2017. Os furtos de veículos caíram 0,22%; roubo de carga, 2,68%; latrocínio, 13,04% e estupro, 9,91%. “Adotamos estratégias para diminuir essas incidências de crime e roubos. Só no ano passado foram mais de 647 mil abordagens em várias modalidades”, informou.

Além das ações internas, o comandante Faro destacou a importância das parcerias para eficiência operacional. “As ações preventivas podem ser desenvolvidas pelos próprios comerciantes, por exemplo, como alertar seus clientes, iluminação adequada, entre outras, que nos ajudam na questão da segurança”, disse. Moura acrescentou que a casa está aberta para discutir e realizar novos eventos relacionados ao tema.

Também estiveram presentes ao evento o secretário Hiroyuki Minami da SDECT (Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Trabalho e Turismo); Alexandre da Silva Xavier, comandante da Polícia Militar Rodoviária; Paulo Nishikawa, Coronel PM e deputado estadual; Marigildo Fabreti, da Associação dos Amigos da Polícia Militar e Artur Fernando Limi, da Polícia Técnico-Científica de Santo André.

Novo evento – dando continuidade à programação da Acisbec, acontece nesta quinta (7) o curso ‘Os Impactos da Robótica na Educação e no Mercado de Trabalho’. A programação terá início a partir das 19h, na sede da Acisbec, Rua do Imperador, 14, Nova Petrópolis. As inscrições estão abertas e podem ser feitas pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.. Outras informações pelos números: 2131-4800 ou 2131-4802.

A Faculdade de Medicina do ABC (FMABC), em Santo André, está com inscrições abertas para o curso de extensão “Introdução à Pesquisa Clínica”, cujo objetivo é capacitar alunos e profissionais das áreas da saúde e de projetos interessados em conhecer e atuar no campo da pesquisa com seres humanos. Ao todo serão cerca de dois meses de aulas, com carga total de 60 horas. Com início previsto para 12 de março próximo, as aulas ocorrerão as terças e quintas-feiras, das 18h às 22h.

Na lista de temas que integram o conteúdo programático estão “Histórico e evolução da Pesquisa Clínica”, “Tipos e fases dos estudos clínicos”, “Conceitos estatísticos”, “Como montar um protocolo”, “Termo de consentimento livre e esclarecido”, “Legislação” e “Estrutura e organização do Centro de Pesquisa”, entre outros.

A pesquisa clínica é uma exigência para o desenvolvimento de novas terapias para todas as doenças e envolve diversos profissionais, como médicos investigadores, farmacêuticos, enfermeiros, biomédicos e biólogos. Antes de iniciar qualquer estudo, o protocolo de pesquisa deve ser aprovado previamente por um Comitê de Ética, assim como pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (CONEP) e pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

INSCRIÇÕES- Interessados em participar do curso de extensão “Introdução à Pesquisa Clínica” podem obter mais informações e efetuar as inscrições no setor de Pós-graduação, Pesquisa e Inovação da Faculdade de Medicina do ABC (Av. Príncipe de Gales, 667, Vila Príncipe de Gales - Santo André). Os contatos são: 4993-5426, 4993-7282 e O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..

A 44ª edição do Salão Rétromobile abrirá suas portas entre os dias 06 e 10 de fevereiro, no parque de exposições de Porte de Versailles, em Paris. Os 120 mil visitantes esperados ao longo dos cinco dias poderão admirar além de cinco modelos históricos da marca do Leão, o PEUGEOT e-LEGEND Concept veículo 100% elétrico, autônomo e conectado. O carro-conceito, que foi a grande atração do último Salão do Automóvel de Paris, estará ao lado do PEUGEOT VLV, primeiro veículo elétrico da marca, apresentado em 1941.

O estande também acolhe o PEUGEOT 201 Torpédo e o PEUGEOT 304, que celebrarão seus aniversários de 90 e 50 anos respectivamente. O PEUGEOT 604 TI e o Cupê PEUGEOT 204, que participarão do Tour Auto 2019, completam a coleção.

O estande da PEUGEOT, chamado de A Aventure PEUGEOT, no salão Rétromobile, contará com a exposição desses seis veículos históricos da marca, a maioria de acervo próprio, e estará localizado no hall 1, estande F029:

O PEUGEOT VLV (Véhicule Léger de Ville, ou carro leve para a cidade) é o primeiro veículo elétrico da marca, anunciado em maio de 1941, na forma de um mini cabriolet. Dotado de quatro baterias de 12 volts, o veículo já dispunha de uma autonomia de 75 a 80 km, com uma velocidade máxima de 36 km/h. O modelo ilustra o momento em que a Peugeot está ativamente focada na transição de matriz energética de seus carros, com cada novo modelo disponível também na versão elétrica a partir de agora.

 O PEUGEOT 201 Torpédo, apresentado pela associação Les Amis du Lion, completa 90 anos este ano. Primeiro veículo da série cult dos " 2 ", ele foi lançado no Salão de Paris de 1929. Estreando a nomenclatura composta por três algarismos articulados em torno do zero central, ele contou com uma produção de cerca de 143 mil exemplares.

O PEUGEOT 304, apresentado pelo Club PEUGEOT 204 & 304, é o mais antigo dos exemplares conhecidos ainda em circulação. A versão exibida é idêntica à que foi apresentada no mesmo hall do Salão de Paris, em outubro de 1969.

 O PEUGEOT 604, apresentado pelo Club 604 International, é o primeiro PEUGEOT de 6 cilindros, revelado no salão de Genebra, em março de 1975, seis meses antes de ser comercializado. Seu design, assinado por Pininfarina, fez dele um veículo eminentemente prestigiada na época.

O cupê PEUGEOT 204, de 1967, igualmente apresentado em colaboração com o Club PEUGEOT 204 & 304, provém do acervo da Aventure PEUGEOT.  Ele participará do Tour Auto 2019 e apresenta, no Rétromobile, uma nova roupagem criada pelas equipes de Design PEUGEOT

Para completar a exibição, a equipe da Aventure Automobile, em Poissy expõe um deslumbrante Talbot Tagora SX de 1983, equipado com o motor V6 PRV de 2.664 cm³.

O PEUGEOT e-LEGEND Concept, veículo 100% elétrico, autônomo e conectado, faz companhia a todos os seus ancestrais e apresenta a visão da PEUGEOT para um futuro automobilístico decididamente otimista e altamente desejável.

O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando, autorizou, na noite de terça (5), a retomada das obras do Conjunto Habitacional Vila Esperança, no bairro Montanhão. A assinatura da ordem de serviço marca a retomada da segunda fase do projeto, que englobará serviços de infraestrutura e urbanização, além da produção de 124 unidades habitacionais, verticalizadas e sobrepostas, e implantação de noves boxes comerciais, com investimento total de R$ 25,1 milhões oriundos do Programa de Aceleração ao Crescimento (PAC) do governo federal.

A obra irá beneficiar famílias provenientes de áreas de risco da Vila Esperança, do alojamento provisório José Fornari, e do assentamento precário da Pedreira, previamente cadastradas junto à secretaria de Habitação. O escopo inclui ainda ações de recuperação de áreas degradadas, requalificação das áreas verdes, criação de áreas de lazer e estabilização geotécnica. Além do início da construção das unidades da segunda fase do projeto, a Prefeitura também contemplará as 68 famílias já residentes nos apartamentos concluídos na primeira fase, com as escrituras dos imóveis, além de obras de infraestrutura condominial para individualização da medição de água.

“Quando concluída, esta obra fará uma transformação completa na região. Muita gente já sofreu muito pela irresponsabilidade de quem se comprometeu em concluir este projeto e não cumpriu. O efeito prático desta má gestão é o abandono. É um profundo desrespeito com o recurso garantido que foi empregado aqui. Isso em um País que sofre tanto com o déficti habitacional”, discursou o chefe do Executivo. O ato também foi acompanhado pelo secretário de Habitação, João Abukater, além de outras autoridades.

ACELERANDO PROJETOS HABITACIONAIS - Com a entrega de 32 unidades habitacionais do Condomínio Nova Tulipa, na primeira quinzena de janeiro, a Prefeitura deu início a uma nova etapa de entregas e retomadas de obras na área habitacional. No último dia 30, foi a vez da entrega de mais 36 apartamentos na Rua Padre Léo Comissari, no Jardim Silvina.

Além disso, a Prefeitura está dando andamento à construção de novos projetos habitacionais, como o residencial Independência, no Montanhão, que conta com 420 unidades, divididas em dez blocos, em condomínio fechado, destinadas ao atendimento de famílias enquadradas na Faixa 1 do Programa Minha Casa Minha Vida. Na área habitacional, também já foram regularizamos um total de 13 núcleos entre 2017 e 2018, beneficiando cerca de 5,3 mil famílias. Em 2019, outras 5 mil famílias serão contempladas com as escrituras de suas moradias.

 

A Prefeitura de Ribeirão Pires, por meio da Secretaria de Cultura, realiza inscrições para oficinas gratuitas de Produção Musical e Dublagem, além de cursos culturais no CEU Quarta Divisão – teatro, dança de rua e jazz. Com vagas limitadas, os interessados devem estar atentos às datas e locais de inscrições.

 A recém-lançada oficina de Produção Musical é direcionada a moradores com idade a partir de 15 anos. As inscrições já estão abertas e serão realizadas até 15 de fevereiro. Também há vagas para a oficina de Dublagem, que terá inscrições feitas entre 13 e 15 de fevereiro. O curso de dublagem é direcionado a pessoas com idade a partir de 15 anos.

Para ambas as oficinas, promovidas por meio de parceria entre as secretarias de Cultura e de Turismo e Desenvolvimento Econômico, com o apoio do Estúdio Versax, as inscrições serão realizadas no Centro Cultural da cidade (Rua Dr. Yutaka Ishihara, 220, Jardim Pastoril), de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 16h30h. As aulas serão ministradas na sede do Estúdio Versax, no bairro Santa Luzia.

Cursos culturais gratuitos na Quarta Divisão – A partir desse semestre, o Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU) Quarta Divisão oferecerá cursos culturais gratuitos aos moradores de Ribeirão Pires - teatro, dança de rua e jazz.  Para realizar as inscrições, que seguem até esse sábado (9), os interessados deverão comparecer ao CEU, localizado na Estrada do Sapopemba, 5.055, Quarta Divisão, das 8h às 17h, apresentando uma foto 3X4, cópia do RG e do comprovante de residência. Menores de 18 anos deverão estar acompanhados pelos pais ou responsáveis.

Teatro - Aulas aos sábados, das 8h30 às 10h30 - turma de 8 a 12 anos; das 8h30 às 11h30 - turma de 13 a 17 anos;

Dança de rua - Aulas aos sábados, das 10h30 às 12h – acima de 12 anos;

Jazz – Aulas às terças-feiras, das 14h às 15h30 – turma de 13 a 17 anos; e das 15h30 às 17h – turma a partir de 18 anos.

Serviço - Inscrições para cursos culturais gratuitos no CEU Quarta Divisão

Data: De 4 a 9 de fevereiro, das 8h às 17h

Local: CEU Quarta Divisão (Estrada do Sapopemba, 5.055, Quarta-Divisão)

Vagas limitadas.

Serviço – Oficina de Produção Musical

Data: Até 15 de fevereiro, das 8h às 12h e das 13h às 16h30

Local: Centro Cultural de Ribeirão Pires (Rua Dr. Yutaka Ishihara, 220, Jardim Pastoril)

Vagas Limitadas.

Serviço – Oficina de Dublagem

Data: de 13 a 15 de fevereiro, das 8h às 12h e das 13h às 16h30

Local: Centro Cultural de Ribeirão Pires (Rua Dr. Yutaka Ishihara, 220, Jardim Pastoril)

Vagas Limitadas.


Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu