21 Sep 2018

A Prefeitura de São Caetano lançou o Wi-Fácil, que disponibiliza internet gratuita em praças e parques da cidade. O lançamento ocorreu domingo (9), no Espaço Verde Chico Mendes (Av. Fernando Simonsen, 566, Bairro Cerâmica).

O prefeito José Auricchio Júnior afirmou que a medida integra uma série de ações da Prefeitura com objetivo de inserir São Caetano do Sul no conceito de cidade inteligente. “Inclusão digital e acesso à informação são essenciais nas atividades da sociedade atual. E este é mais um passo que estamos dando rumo à  democratização e modernização do governo municipal”, afirma.

O Espaço Verde Chico Mendes é o primeiro de uma série de espaços públicos da cidade a serem equipados com acesso a internet grátis. Ainda neste mês outros locais já terão o Wi-Fácil, como a Praça Cardeal Arcoverde, no Centro, e a Praça dos Imigrantes, no Bairro Olímpico.

“A internet grátis aumenta o acesso da população à tecnologia, criando mais oportunidades de informação, entretenimento e socialização, declara Robson Pereira, diretor da Divisão de Tecnologia da Informação (DTI) da Prefeitura.

Para acessar a internet nessas áreas públicas, o usuário deverá conectar-se à rede “Wi-Fácil São Caetano” e fazer a autenticação por meio de conta no Facebook ou e-mail. O tempo de conexão é de até uma hora por dia, em cada ponto. Após 10 minutos sem uso, o sistema encerra a sessão atual, mas o internauta poderá se reconectar novamente até a soma de todos os acessos individuais alcançar o limite de 60 minutos naquele local.

A Prefeitura de Santo André, em parceria com o SENAC-SP, prorroga, até quarta (12), as inscrições para o curso de qualificação profissional para pessoas de baixa renda na área administrativa do Centro Público de Formação Profissional (CPFP) Miguel Arraes, no Jardim Cristiane. Estão disponíveis para esta unidade vagas para a disciplina de auxiliar de recursos humanos, além de inscrições para a lista de espera nos cursos de auxiliar de escritório e auxiliar administrativo com carga de aulas de 160 horas.

Os interessados, que devem ter no mínimo 15 anos e ensino médio incompleto, podem dirigir-se presencialmente à unidade (Rua Rangel Pestana, s/n) ou ao Paço Municipal (Praça IV Centenário, 1, Centro) levando os seguintes documentos no momento da inscrição: cópia do RG e CPF, do comprovante de endereço recente, do comprovante de escolaridade e, se menor de 18 anos, somente acompanhado do responsável apresentando cópia do seu RG e CPF. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 4433-0778.

A parceria entre a Prefeitura de Santo André e o SENAC-SP ocorre por meio do Núcleo de Inovação Social, Secretaria de Educação, Secretaria de Cidadania e Assistência Social e Secretaria de Desenvolvimento e Geração de Emprego. Como estratégia da Administração Municipal para facilitar o acesso à população de baixa renda, foram abertas 175 vagas em locais como o CESA Cata Preta, na Vila João Ramalho, e o Centro de Visitantes da Vila de Paranapiacaba, que já estão com todas as vagas preenchidas. A iniciativa, com reconhecido padrão de qualidade SENAC de ensino, não traz custos para os cofres públicos.

Parte integrante do Corredor Leste-Oeste, uma das mais importantes obras viárias de São Bernardo, a duplicação do Viaduto Tereza Delta, localizada no Km 20,7 da Rodovia Anchieta, avançou em mais uma etapa com a concretagem do trecho 4, na quinta (6). O prefeito Orlando Morando fez uma vistoria no local, acompanhado pelo secretário de Transportes e Vias Públicas, Delson José Amador.

A duplicação integra o lote 2 de instalação deste corredor, que ligará duas regiões adensadas da cidade, desde a Praça dos Bombeiros, na região do Bairro Ferrazópolis, às proximidades da Rodovia dos Imigrantes, na divisa com Diadema. Nesta parte da obra serão utilizados 63 caminhões de concreto - equivalente a 500 m³ -  e conta com 120 trabalhadores. Esse trecho já havia recebido 200 m³ de concreto para construção da laje de fundo.

Reiniciado no segundo semestre de 2017, o empreendimento está dividido em três etapas, com conclusão prevista para o fim de 2019. A construção do novo viaduto, das alças de acesso e mais a proteção do oleoduto da Petrobras, estão estimadas em R$ 127 milhões. As obras são financiadas com recursos da Caixa Econômica Federal (CEF) e pela Corporação Andina de Fomento (CAF).

“São Bernardo é a cidade que mais conta com obras viárias no Estado de São Paulo. Quando esse viaduto estiver concluído trará maior fluidez ao trânsito, beneficiando quem vem à cidade pela Rodovia Anchieta e quem utilizará o transporte público por meio do Corredor Leste-Oeste. Em agosto, entregamos o Viaduto Mamãe Clory, sobre a Avenida Robert Kennedy e a duplicação da Avenida José Odorizzi. Neste mês, está prevista a inauguração do Viaduto sobre a Avenida Humberto de Alencar Castello Branco, que também faz parte do Corredor Leste-Oeste”, afirmou o prefeito Orlando Morando.

Obras em andamento por toda a cidade - o conjunto de obras na área de Mobilidade Urbana prevê a implantação de 12 corredores de ônibus. O Leste-Oeste é o maior deles, com 13 quilômetros. São quatro viadutos ao longo de sua extensão; o Viaduto Mamãe Clory, na esquina das Avenidas José Odorizzi e Robert Kennedy, já inaugurado em agosto; na Avenida Castelo Branco, na altura da Rua dos Flamingos, que ligará a Rodovia Imigrantes; na alça de acesso à Rodovia Anchieta, no Km 20,7 (duplicação do Viaduto Tereza Delta) e na Praça dos Bombeiros. O programa ainda prevê três terminais: Grande Alvarenga, já inaugurado; Batistini e São Pedro, cujas ordens de serviços já foram autorizadas pelo prefeito.

A Granado Pharmácias acaba de lançar a mais nova fragrância da linha Vintage, a Eucalipto. A linha é composta por sabonetes líquido e em barra, hidratante corporal, difusores de ambiente (nas versões 235 ml e edição limitada de 500 ml) e ainda a Eau de Toilette.

Com notas refrescantes do óleo natural de eucalipto, evidenciadas pela saída cítrica de lima e bergamota, a fragrância tem descrição olfativa Cítrica Amadeirada e é formulada com álcool extra-neutro (livre de impurezas que alteram a fragrância), além de passar pelo processo de maceração, garantindo maior intensidade das notas olfativas. Mais informações pelo SAC: 0800 940 6730.

A marca também anuncia a abertura primeira loja no ABC, no ParkShopping São Caetano.

O movimento de vendas do varejo paulistano cresceu em média 2,6% em agosto na comparação com o mesmo período de 2017, segundo o Balanço de Vendas da Associação Comercial de São Paulo (ACSP). O resultado foi puxado pelo sistema a prazo (5,9%), “beneficiado pela queda dos juros e pelo alongamento dos prazos, que estimulam a compra parcelada de produtos de maior valor (duráveis e semiduráveis)”, explica Marcel Solimeo, economista da ACSP. “De forma geral, em 2018, as vendas parceladas têm tido performance melhor por conta do corte progressivo na taxa Selic. Contudo, o efeito dos juros vem perdendo força”. 
 
O sistema à vista caiu 0,7%, resultado do inverno irregular: as baixas temperaturas na primeira metade de agosto não persistiram na segunda quinzena, o que prejudicou o desempenho de roupas e calçados da moda outono-inverno. 
 
Solimeo acrescenta que a confiança do consumidor está estagnada em patamar baixo e o brasileiro está cauteloso diante da incerteza eleitoral. “A expectativa é de que nos três últimos meses do ano, a depender das circunstâncias, o varejo reaja, para fechar 2018 com crescimento acima dos 3%”.   
 
Acumulado
De janeiro a agosto, o movimento de vendas do comércio da capital registrou alta média de 2,8%, puxada pelo sistema a prazo (7,2%), ajudado pela combinação de juros mais baixos e prazos maiores. Na contramão, as comercializações à vista caíram 1,7%, refletindo o inverno pouco consistente no decorrer dos últimos meses.  
 
Variação mensal
Frente a julho, o movimento do comércio cresceu em média 4,4% em SP. As vendas à vista subiram 8,8%, pelo efeito sazonal do Dia dos Pais. Por outro lado, o sistema a prazo ficou estável em agosto (0%) sobre julho. 
 
O Balanço de Vendas é elaborado pelo Instituto de Economia Gastão Vidigal da ACSP, com amostra fornecida pela Boa Vista SCPC.

tabela_31.jpg

Três expoentes da Dermatologia nacional estarão reunidos, na sexta (7), no 73º Congresso da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), em Curitiba (PR), para tarde de autógrafos pelo lançamento da 3ª edição do “Tratado de Dermatologia”. A partir das 12h, os doutores Paulo Ricardo Criado, Walter Belda Junior e Nilton Di Chiacchio estarão à disposição do público no estande da empresa Bioderma, no Expo Unimed da Universidade Positivo Curitiba/PR (Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5.300, Campo Comprido, Curitiba - PR).

Com aproximadamente 3.400 páginas divididas em 2 volumes, a 3ª edição do Tratado de Dermatologia chega revista, atualizada e ampliada. Publicada pela Editora Atheneu, a obra reúne 261 colaboradores em 155 capítulos e subcapítulos. Traz os avanços da especialidade como ciência, com abordagem da Dermatologia em toda a sua extensão clínica, investigativa, cirúrgica e cosmiátrica.

 “Procuramos utilizar abordagem contemporânea, criativa e original dos temas, com aplicação de recursos tecnológicos, dermatoscopia, mapeamento de nevos, relação da especialidade com o esporte, dermatologia hospitalar, pesquisa dermatológica e informática, doenças genéticas e dermatoses em diferentes grupos etários”, enumera Dr. Paulo Ricardo Criado, que é médico dermatologista, doutor em Ciências pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), livre-docente em Dermatologia pela FMUSP e pesquisador do setor de Pós-graduação, Pesquisa e Inovação da Faculdade de Medicina do ABC (FMABC).

Segundo o autor, os temas foram sistematizados e agrupados segundo o tipo de conteúdo, “de acordo com os melhores padrões da medicina baseada em evidências”, bem como da didática estritamente dermatológica, que recomenda o detalhamento diagnóstico através do maior número de ilustrações. São cerca de 3.200 imagens disponíveis em DVD anexado ao livro, facilitando a consulta na tela do computador. “Selecionamos os conteúdos de acordo com a grade de temas estabelecidos pela Sociedade Brasileira de Dermatologia. O livro é uma abrangente e valiosa fonte de consulta para dermatologistas, estudantes, residentes de Dermatologia candidatos ao Título de Especialista e, eventualmente, cosmiatras”, acrescenta Dr. Paulo Criado.

A equipe autoral é multicêntrica, com colaboradores dos mais diversos núcleos de ensino do país e do exterior, hospitais-escola, centros de treinamento e ensino, todos de acreditação em Dermatologia e cada um na posse de conhecimentos e experiência clínica em sua específica área de atuação.


Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu