11 Aug 2020


63 anos de credibilidade

Publicado em Editorial
Avalie este item
(0 votos)

A Folha do ABC completa 63 anos. Em todas essas décadas de trabalho árduo, dedicação persistente e amor ao jornalismo e aos nossos leitores, a maior preocupação foi a de manter a credibilidade, noticiando os fatos, com o ABC, sempre, em primeiro lugar.
A Folha é oriunda da fusão das publicações: A Vanguarda, fundada em 1956, em São Bernardo, por Everaldo Ramalho e Antonio Mendes de Oliveira e que poucos anos depois passou para o comando de Alberto Meiback Floret, Cyro Cassetari e Nevino Rocco; e a Folha de Utinga, comandada pelo jornalista Antonio Manieri, de saudosa memória, com sede em Utinga, Santo André. A união ocorreu em outubro de 1980.
Ao passar dos anos, os demais sócios deixaram o jornal para cuidar de outras atividades profissionais, permanecendo, apenas, o jornalista Alberto Floret, que, poucos anos depois, ganhou a companhia da esposa Neide e, décadas depois, das filhas, a jornalista Beatriz e a engenheira Nicole. Juntos seguem a frente do jornal, com fibra, dedicação e dignidade, procurando editar um jornal com independência e credibilidade, que nem sempre são compreendidas por alguns leitores. Mas, a grande maioria dos formadores de opinião do ABC transformou este jornal em leitura semanal obrigatória para saber o que realmente acontece na região, sem nenhuma parcialidade. Por tudo isso, temos que agradecer.
Desde o Editorial de fundação de A Vanguarda, cujas seguintes palavras foram registradas: “Não seremos defensores de partidos políticos, apoiaremos entretanto todo que de justo se fizer, parta de onde partir (...) também não teremos cor religiosa, aceitaremos publicações e divulgaremos tudo que traga uma contribuição para os problemas, sem polêmica entretanto, apenas como órgão informativo e de divulgação (...)”, já era notório o compromisso com a ética, imparcialidade e independência deste jornal.
Também no Editorial de 1981, foi publicado em palavras o que define a honra e o compromisso de nossa publicação: “a nova Folha do ABC vingou, venceu e continuará o longo caminho em que não se deslumbra extremo. Os caminhos fáceis conduzem a efeitos e satisfações efêmeros. Ninguém nasce feito, nem se realizada da noite para o dia. Por isso, temos paciência e preferimos o crescimento naturalmente honesto, degrau por degrau porque não abdicamos do respeito que já nos é dedicado por todos. Há muito por fazer, muita luta a vencer, mas a ânsia, o desejo de superar as dificuldades e cumprir nossas metas dar-nos-ão as forças que foram sendo necessárias à sua consecução. A luta de um jornal não para. Estamos firme em nosso caminho. Procuramos sempre seguir nossa trilha, a luta comercial contra os poderosos não nos intimida. Pelo contrário, cada vez nos dá força, dedicação, vontade e coragem para prosseguir”.
Mas, não é fácil manter essa posição. Algumas outras publicações escolhem o lado mais fácil, aderindo ao poder para faturar e evitar as eventuais dificuldades. Aliás, as empresas, bem intencionadas, enfrentam sempre essa situação, com dificuldade ou não, fazem questão de honrar os compromissos assumidos. Essa é a nossa posição.
Seguimos em frente, com disposição e muita garra, para vencer todos os desafios.  O impacto das tecnologias digitais está transformando o jornalismo e o papel do jornalista, porém, no mundo atual, onde todos podem ser protagonistas de “notícias”, é indispensável a presença de jornalistas sérios e independentes para atuarem com ética e credibilidade, defendendo a verdade, acima de tudo. Aos nossos leitores e seguidores (no mundo virtual), o nosso mais sincero muito obrigado. A luta não para, estamos firmes em nosso caminho.

Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Mais nesta categoria: As liberações »

Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu