14 Apr 2021

Publicado em MIRANTE
Avalie este item
(0 votos)

Ordem
Devido à rixa que o presidente Jair Bolsonaro possui em relação ao governador João Doria (PSDB), dezenas de obras do Estado de São Paulo, que dependem do aval do governo federal, da ação de Ministérios ou de financiamentos de bancos públicos, têm sido deixadas de lado pela União. Nos bastidores, comenta-se que vem “de cima” a ordem para os pedidos do governo paulista não serem atendidos.

Ordem I
Uma das obras que correm o risco de não sair do papel é a do Piscinão de Jaboticabal, que seria instalado na divisa de São Bernardo, São Caetano e São Paulo, para reduzir os impactos das enchentes do Rio Tamanduateí e dos Ribeirões dos Couros e dos Meninos, que tanto afetam o ABC. A obra, orçada em R$ 300 milhões, seria financiada pela Caixa. Mas, de uma hora para outra, a linha de crédito teria sido “congelada”. Para concluir a obra, o governo paulista terá que obter recursos no Tesouro do Estado.

Reunião
O governador João Doria participou de reunião virtual com o embaixador da China no Brasil, Yang Wanming, na terça (26), no Palácio dos Bandeirantes. Na ocasião, Wanming afirmou que o Brasil é um país importante e um parceiro de grande significado para a China, que mantém relação amistosa, tradicional e que a autorização para exportação dos insumos da vacina, é uma questão técnica e não política. “A China está disposta a manter comunicação com o governo federal e com o governo estadual e apoiar em conjunto a parceria com a Sinovac e o Instituto Butantan”, garantiu.

Insumos
O presidente do Instituto Butantan, Dimas Covas, afirmou, durante coletiva, na terça (26), que os insumos da Coronavac serão liberados a partir da aprovação do registro na China, de maneira breve. Cerca de 5,4 mil litros chegarão ao País, na quarta (3) de fevereiro. Outros 5,6 mil litros já estão em processo adiantado de liberação. Com o total de 11 mil litros, será regularizada a entrega ao Ministério da Saúde. O restante, segundo Dimas, deverá vir, dentro do que está planejado, até o final de abril, totalizando as 40 milhões de doses contratadas.  Há a possibilidade de um adicional de 54 milhões de doses, mas para isso, é necessária manifestação do governo federal.  

Comando
O secretário da Justiça e Cidadania do Governo do Estado de São Paulo, Fernando José da Costa, é o novo superintendente do Instituto de Medicina Social e de Criminologia de São Paulo (Imesc). A advogada Juliana Lugani Pinto assumirá novamente a chefia de gabinete do Instituto, a convite de Fernando.

Protesto
Os deputados Frederico D’ávila, Carteiro Reaça, Douglas Garcia e Carla Zambelli, entre outros, utilizaram suas redes sociais para convocar donos de bares e restaurantes para protesto contra as restrições do Plano SP. “É lamentável que usem do sofrimento das pessoas, sejam os doentes ou os empresários que passam por dificuldades, para incitar, mais uma vez, o ódio e a discórdia. Se tivessem usado seu tempo para falar de prevenção ao invés de propagar mentiras sobre a doença talvez tivéssemos saído dessa crise com mais agilidade”, afirmou o presidente do Diretório Estadual do PSDB-SP e secretário de Desenvolvimento Regional do Estado, Marco Vinholi.

Eleições
O ABC conta com apenas dois deputados federais, Alex Manente (Cidadania) e Vicentinho (PT). Para essas eleições do novo presidente da Câmara dos Deputados, que ocorrerá, nesta segunda (1) de fevereiro, Alex revelou à coluna que torce pela vitória do deputado e candidato Baleia Rossi (MDB). “Nosso bloco está formado com o MDB. Vamos ver os desdobramentos na reta final. Tenho trabalhado pessoalmente, para poder inserir na prioridade do candidato eleito a votação da prisão em segunda instância. Isso poderá se consolidar nos próximos dois anos”, avalia.

Eleições I
Já Vicentinho, declarou à coluna que sua atuação tem sido junto com a bancada, com “debate democrático e transparente”, com a perspectiva de que a “Câmara tenha independência, que não se permita que o parlamento seja um instrumento do Jair Bolsonaro, e sim do povo brasileiro”. O deputado espera que o novo presidente seja cumpridor da Constituição, “garantindo o Estado Democrático de Direito e tomando todas as atitudes necessárias para coibir esse abuso, esse desrespeito” e que por isso declara a intenção de votar no Baleia Rossi, pois “ele representa este sentimento que nós defendemos para a Câmara dos Deputados”.

Eleições II
As eleições que definirão o novo presidente do Senado também acontecem, na segunda (1). Os senadores tucanos José Serra e Mara Gabrilli, ambos de São Paulo, manifestaram apoio à Simone Tebet (MDB). Mara, que é do ABC, em suas redes sociais, comentou sobre sua escolha: “independência dos poderes e harmonia, sem polarização. Simone representa renovação, seriedade, diálogo, além de valorizar a força da mulher na política”.

Deu na Mídia
O Polo Petroquímico do ABC teve um destaque negativo em reportagem do Bom Dia SP, na quarta (27). Moradores do Jd. Sonia Maria, em Mauá, nas proximidades do Polo, reclamam que há um ano as casas têm sido tomadas por uma poeira preta e oleosa e que, com isso, têm sofrido com cheiro forte, dor nos olhos, problemas de pele, tosse e rinite. A Cetesb já registrou mais de 48 reclamações. O Ministério Público abriu inquérito em novembro do ano passado para apurar o fato. Segundo a reportagem, em 2020, a Cetesb aplicou uma quantidade menor 45% menor de multas ambientais em relação a 2019. Já em relação a poluição das águas, ar e solo, essa diferença chegou a 43%.

Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Mais nesta categoria: 06 de Fevereiro de 2021 »

Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu