16 Jul 2024

Publicado em MIRANTE
Lido 2046 vezes
Avalie este item
(0 votos)

Cortejado
O governador Tarcísio de Freitas (Republicanos) tem sido cortejado por partidos de direita, em especial, o PP e o PL. Nada está descartado, mas, por enquanto, Tarcísio deve permanecer no Republicanos. O PP pretende atrair Tarcísio até 2026 e, para isso, a sigla deve, primeiro, filiar nomes do entorno do governador. Um dos alvos é o secretário da Casa Civil e braço direito de Tarcísio, Arthur Lima, que já sinalizou que poderá entrar para o partido, mas ainda aguarda um aceno do chefe.

Emenda
O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL) esteve em São Bernardo, na sexta (19). Na ocasião, junto ao vereador Paulo Chuchu, e a delegada seccional de São Bernardo, Kelly de Andrade, conheceu a nova sede do GOE (Grupo de Operações Especiais), inaugurada em setembro último, no bairro Baeta Neves. Em 2022, Eduardo destinou, no total, R$ 900 mil em emendas para a Segurança Pública, prevenção e enfrentamento da criminalidade no Estado.

Aprovado
A Assembleia Legislativa do Estado de Paulo (Alesp) aprovou, por unanimidade, em sessão extraordinária, realizada na terça (23), a proposta apresentada pelo governador Tarcísio de Freitas para recomposição salarial das Polícias Civil e Militar. O Projeto de Lei Complementar 75/2023 prevê que o reajuste passe a valer a partir de 1º de julho e traz, em anexo, a tabela com os futuros valores dos salários-base dos agentes. Para o presidente da Alesp, André do Prado, a votação foi histórica. “Foram quase 20 horas de votação e estou muito lisonjeado por fazer parte dessa votação tão importante”, destacou.

Homenagem
A Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) realizará, na segunda (29), sessão solene em homenagem ao ministro Ricardo Lewandowski, que se aposentou do STF (Supremo Tribunal Federal), em abril último. A homenagem é de autoria dos deputados estaduais Emidio de Souza (PT) e Simão Pedro (PT) e do Grupo Prerrogativas. A solenidade será realizada no Plenário Juscelino Kubitschek, a partir das 20h.

Debandada
O PSDB, que já chegou a ter 245 prefeitos no Estado, perdeu cerca de um terço dos prefeitos eleitos em 2020, cerca de 60. A lista ainda está aumentando, com o assédio de siglas com discurso mais conservador como PL, Republicanos, PP e PSD. Nesta semana, mais baixas: a do prefeito de Álvaro Machado (região de Presidente Prudente), Roger Gasques, que foi para o PP e o prefeito de Catanduva, Padre Osvaldo Rosa, que migrou para o PL. Recentemente, o PSDB também perdeu o prefeito de Mirassol, Edson Antonio Emernegildo, que irá para o PSD e deverá perder o de Jundiaí, Luiz Fernando Machado, que negocia com o PL e com Jorge Seba, de Votuporanga.

Debandada I
Sobre a debandada, o prefeito de Santo André, tesoureiro nacional, Paulo Serra, minimizou a redução da sigla, ao Estadão, no sábado (20): “Havia um inchaço artificial”. Ainda disse que a debandada estaria pacificada em São Paulo. Na quarta (24), o prefeito Orlando Morando (PSDB), atribuiu à definição da nova direção pela saída dos tucanos. “Foi um golpe à democracia do partido. Uma ata mantida em segredo coloca em dúvida a legitimidade do processo (...) essa movimentação não agradou (os filiados e militantes), porque não representa a história do PSDB”, disse.

Visita
O prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB), havia anunciado, na quinta (18), que a primeira visita ao ABC do governador Tarcísio de Freitas (Republicanos) seria para Santo André, para inaugurar as obras da Av. dos Estados, na sexta (19). Porém, na noite de quinta (18), o prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), anunciou que a primeira visita seria, na verdade, para São Bernardo, também na sexta (19), para a vistoria das obras do novo Parque da Cidadania.

Visita I
Na sexta (19), pela manhã, Tarcísio esteve, primeiramente, em São Bernardo e seguiu para Santo André. Assim, Serra adaptou seu discurso, para não perder o título de “primeira”. Mas, ao invés de anunciar como a primeira visita do governador ao ABC, anunciou como a primeira entrega de obras de Tarcísio ao ABC.

Subentendido
Ao iniciar sua fala, Serra ainda mandou indiretas para Morando, ao dar os parabéns para a equipe do governador, por adicionar outra agenda no ABC, em “poucas horas”. E ainda disse que ouve da população da região: “que bom que o ABC tem uma deputada estadual”, se referindo a deputada estadual Ana Carolina Serra (Cidadania). Vale lembrar que a região já possui a deputada Carla Morando (PSDB), que está no segundo mandato.

Encontro
O vice-prefeito de São Caetano, Seraphim (PL), esteve no Palácio da Cerâmica, na última semana, para apresentar projetos na área social ao prefeito José Auricchio Júnior (PSDB). “Quando dois médicos sentam para conversar, claro que o assunto principal é saúde, política de atenção básica e hospitalar, além de aperfeiçoamento na distribuição de medicamentos e atendimento à terceira idade”, avaliou Seraphim. Auricchio avaliou as demandas e dará prosseguimento às solicitações que integram melhorias na Saúde.

Lançamento
A Frente Parlamentar do Desenvolvimento Econômico, da Indústria e do Comércio do Estado e em Prol dos Setores Automotivo, Supermercadista, Têxtil e de Confecções e do Gás Natural da Alesp, cuja coordenadora é a deputada estadual Carla Morando (PSDB), será lançada, na segunda (29), às 10h, no Palácio dos Bandeirantes. A cerimônia deverá contar com a presença do governador Tarcísio de Freitas, secretários de Estado e representantes dos setores.

Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Mais nesta categoria: 03 de Junho de 2023 »

Main Menu

Main Menu