12 Aug 2020


GM América do Sul reduz em 56% consumo de energia por veículo produzido

Publicado em Autos
Avalie este item
(0 votos)

A GM conseguiu reduzir em 56% o consumo médio de energia por unidade produzida em suas fábricas na América do Sul entre 2003 e 2019, e é a única empresa do setor automotivo reconhecida com o prêmio Energy Star Challenge for Industry na região. As fábricas de São José dos Campos, no Brasil, e de Rosario, na Argentina acabam de receber a premiação, unindo-se às unidades de Gravataí, São Caetano do Sul, Mogi das Cruzes e Equador, que já receberam o reconhecimento. A conquista é mais um passo dentre as iniciativas da companhia rumo a um futuro com zero acidente, zero emissão e zero congestionamento.

O Energy Star é um desafio organizado pelo US EPA (Agência de Proteção Ambiental dos EUA), que afere as métricas de consumo de energia e concede um selo de excelência às fábricas que conseguem reduzir seu gasto por unidade produzida em pelo menos 10% em até cinco anos.

A operação de Rosario reduziu seu consumo por unidade em 10,4% entre 2017 e 2019 e a fábrica de estamparia do Complexo Industrial de São José dos Campos diminuiu em 24,3% no mesmo período.

Entre as medidas que fizeram as operações conquistarem essa importante redução estão: a otimização dos processos produtivos; a substituição de iluminação antiga por LED; a eliminação contínua de desperdícios de ar comprimido; o desligamento eficiente dos equipamentos em horários não produtivos; a substituição de compressores e motores por máquinas mais eficientes e com variador de velocidade, e o treinamento e conscientização dos funcionários para o uso eficiente da energia e eliminação dos desperdícios.

"O consumo por unidade produzida está entre os principais indicadores de eficiência energética na indústria automotiva. A GM é a única empresa do setor que recebeu o prêmio Energy Star Challenge Award na América do Sul. Mais do que um orgulho para nós, isso representa o comprometimento que a GM tem com um futuro de zero acidente, zero emissão e zero acidente", comenta Glaucia Roveri, gerente de Energia e Utilidades da GM América do Sul.

Outro destaque na economia de energia na região é o segundo reconhecimento pela certificação ISO 50.001 recentemente conquistado pela fábrica do Equador. Este reconhecimento, o Energy Insight Award, concedido pelo Clean Energy Ministerial celebra a liderança no campo da gestão eficiente da energia. Esta certificação alinha as metas corporativas às metas ambientais de clima e consumo de energia de forma transparente. Além do Equador, as operações da GM no Brasil também já tiveram o reconhecimento do Clean Energy Ministerial, sendo que as unidades de São Caetano, Mogi das Cruzes, Gravataí e Rosario também possuem a certificação ISO 50.0001.

Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu