18 Jun 2024


João Damaceno é referência no treinamento de jogadores de futebol

Publicado em Esportes
Avalie este item
(1 Voto)

Formado em Educação Física pela Metodista, em São Bernardo, João Gustavo Damaceno vive futebol desde criança. Sempre acompanhou inúmeros times e seu maior sonho era passar em uma peneira e jogar futebol profissionalmente. João foi jogador de futsal federado pela Mercedes-Benz por quatro anos. Então, em 2001, realizou o sonho de infância, sendo aprovado para jogar no São Caetano, onde fez parte do time por dois anos.
Uma lesão na coxa, fez João desistir da carreira de jogador. No entanto, o ex-atleta se especializou em treinar e preparar jogadores de futebol, se tornando referência na área. “Sou fanático, acompanho todos os times de futebol. Minha frustração hoje é não ter me tornado jogador de futebol, mas lido com isso treinando jogadores”, revela.

João fez estágio no Corinthians, onde acompanhou a preparação física de categorias de base e também ensinou crianças a jogarem futebol quando era voluntário em projetos sociais no Riacho Grande, em São Bernardo. Em seguida, João se especializou no treinamento de jogadores de alto rendimento, quando cursou, na Escola Paulista de Medicina, a pós-graduação sobre “Bases fisiológicas do treinamento desportivo”. João comenta que no curso teve aula com um professor que se tornou sua grande referência no assunto. “Tive um grande professor, o Antônio Carlos Gomes, que me cativou a trabalhar com atletas. Quis aplicar o que ele colocou em pauta para ajudar no rendimento dos jogadores. É uma área muito gostosa, onde me sinto à vontade em trabalhar”, comenta.

Foi trabalhando em academias que João teve a oportunidade de atender jogadores de futebol. “De uns anos para cá, os atletas começaram a procurar personais trainers para um acompanhamento personalizado. Alguns levam até o professor para o exterior para acompanhá-los nos treinos. No meu caso, fiquei centralizado e quando os atletas entram em período de férias, iniciamos um trabalho para eles não perderem o nível profissional”, comenta. Durante a pandemia, João começou a treinar o jogador Ronaldo Silva, que já passou por grandes times como Portuguesa, Botafogo, Santo André e, hoje, joga no PR - Paraná. “Fizemos um trabalho de um mês e meio quando ele estava fazendo a transição de um clube para o outro. Já havíamos feito uma preparação física para ele jogar no Santo André, quando ele estava como artilheiro do campeonato paulista na época e já estava vendido para o Sport Recife. Fizemos um trabalho para ele se preparar e não perder o ritmo quando voltasse aos treinos”, revela.

“João me acompanha há alguns anos. Geralmente, durante as João Damaceno é referência no treinamento de jogadores de futebol férias, faço um trabalho específico com ele. Atletas de alto rendimento geralmente precisam manter o ritmo mesmo durante as férias. Faço acompanhamento com ele para manter o nível de força, dar uma base para o começo da pré-temporada, começar bem e durante os últimos anos ele tem me ajudado bastante a não me lesionar, a começar bem a pré-temporada e ter um nível de performance muito bom durante todo o ano. Confio no trabalho dele e indico, sempre esteve me auxiliando e me ajudou muito durante boa parte da minha carreira. Um grande profissional”, revela Ronaldo.

Outro caso é o jogador Lulinha. João comenta que quando o jogador estava no período de transição para outro time e ia morar no exterior, Lulinha o procurou para se preparar fisicamente antes de iniciar em outro clube. “Sempre que ele vem de férias para o Brasil, ele me procura para fazer a transição dele, para se preparar e não perder o ritmo, fazemos um trabalho de fortalecimento e equilíbrio muscular”, diz João. O professor, que já treinou mais de dez jogadores entre amadores e profissionais, revela que em alguns casos os atletas chegam lesionados e é necessário fazer a reabilitação para voltar a jogar. “Quando eles chegam lesionados, precisamos saber o grau da lesão. A partir do momento que o fisioterapeuta libera, fazemos uma transição, preparando ele da musculação para o movimento funcional aplicado ao esporte. O jogador vai ganhando amplitude de movimento, vai melhorando a força, até que atinge um nível competitivo”, comenta.

No caso de o jogador ter vínculo com algum clube, o professor comenta que segue as recomendações do treinador. “Peço uma recomendação, vejo o que o treinador deles quer. Algumas vezes, os treinadores no exterior nos informam como está o déficit dos atletas, o que precisam evoluir e trabalhamos em cima disso. Em alguns casos, eles vêm com lesões e precisamos fazer a reabilitação muscular até liberar sua volta para o clube”, revela João. Se o jogador está em transição de um clube para outro e não têm um período certo para começarem outro clube, João prepara o treino. “Cuido um pouco da parte de musculação e também de futebol, trabalhamos com bola, vamos para o campo fazer a parte de transição, de desenvolvimento físico dentro do campo, treinar velocidade, salto e agilidade”.

Atualmente, João está trabalhando na preparação do jogador Lulinha, que está de férias no Brasil. “Vamos fazer uma anamnese para entender se ele tem dores, lesões, como está a mobilidade dele. Começamos na academia, mas provavelmente ele precisa de um trabalho de campo. Tudo depende do período que ele ficará sem clube”, afirma João, que se diz realizado em poder ajudar e treinar jogadores de futebol. O professor também presta consultoria a brasileiros que moram no exterior. É o caso de Kainan Cironak, que atualmente mora na Flórida (EUA) e treina pela University of West Florida com o auxílio e orientações que João prescreve. “A parceria tem sido incrível, trabalho diretamente com o João na parte física e com certeza fez total diferença no meu desempenho. Normalmente, no começo da temporada, fazemos testes físicos e montamos um plano onde vemos onde preciso melhorar. No meu caso foi força, explosão e ganho de massa muscular. Então focamos nisso e foi um sucesso. Me ajudou muito dentro de campo. Só tenho que agradecer pelo total apoio”, afirma Kainan.

 
Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Main Menu

Main Menu