29 Sep 2020


Morando: "Todo o assunto do calendário eleitoral será discutido quando o mesmo for iniciado”

Publicado em Política
Avalie este item
(0 votos)

Há cinco meses das eleições municipais, três incertezas rondam as campanhas para prefeito. Primeiramente, se o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) irá manter a data da votação para 4 de outubro, ou adiar o pleito, até dezembro deste ano, não comprometendo assim, os mandatos vigentes e os próximos a serem iniciados.

Em segundo, caso seja mantida a data. Como seria o cenário para a campanha eleitoral em meio às regras de isolamento social e com os desdobramentos da pandemia do novo coronavírus. E, em terceiro, se o Fundo Especial de Financiamento de Campanha, mais conhecido como Fundo Eleitoral, valor destinado mensalmente aos partidos para o custeamento de despesas diárias, como contas de luz, água, aluguel, etc, seja destinado para o  combate à Covid-19. Para as eleições de 2020, o fundo eleitoral, aprovado pela Câmara dos Deputados, em dezembro último, é de R$ 2 bilhões.

A reportagem da Folha do ABC questionou os prefeitos da região sobre o que pensam sobre o assunto. Confira.

Orlando Morando (prefeito de São Bernardo)

“Todo o assunto relacionado ao calendário eleitoral será discutido quando o mesmo for iniciado”

Última modificação em Sábado, 23 Maio 2020 15:20
Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Destaques

Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu