21 Jan 2022


Governo de SP anuncia repasse de R$ 1 bilhão para universidades paulistas

Publicado em Política
Avalie este item
(0 votos)

O governador João Doria anunciou, nesta quarta (20) de outubro, durante coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes, o repasse de R$ 1 bilhão para as universidades paulistas, USP, Unicamp, Unesp e Fapesp. Os investimentos serão destinados para infraestrutura física e tecnológica das universidades.

“Em 2022, o Estado de São Paulo terá o maior orçamento da história na área de Ciência e Tecnologia, serão R$ 17 bilhões”, disse.

A secretária de Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen, revelou que a USP terá um incremento de 46% no orçamento em relação a 2018, chegando a R$ 7,57 bilhões em 2022; a Unesp terá incremento  de 44% e chegará a R$ 3,79 bilhões e a Fapesp, de 31%, passará de R$ 1,41 bilhão, registrado em 2018, para R$ 1,86 bilhão em 2022. “O investimento irá garantir uma retomada segura às aulas. É nosso compromisso com a Educação. Vamos devolver aos estudantes o direito de realizar seus sonhos por meio da Educação”, disse.

Na área da Saúde, Doria revelou que o Estado autorizou a contratação de 1 mil novos profissionais da Saúde, entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e assistentes sociais, para reforçar as equipes médicas dos serviços públicos, que estavam represados com a pandemia.

Além disso, o Corujão da Saúde entrou em nova etapa. A partir desta quinta (21), serão realizados 51 mil procedimentos oftalmológicos, consultas, exames e cirurgias, em 10 hospitais estaduais e 46 AMEs (Ambulatórios Médicos de Especialidades). O investimento será de R$ 14 milhões. O objetivo, segundo o secretário estadual de Saúde, Jean Gorinchteyn, é zerar as filas desta especialidade, até o final de dezembro próximo. Serão ofertados 23.112 exames de dez tipos diferentes, 16.077 cirurgias de catarata e retina e 11.794 consultas médicas. 

Para a Segurança Pública, o governador entregou 12 novas viaturas, de um total de 32 novas, para o Corpo de Bombeiros. O investimento é de R$ 23 milhões. “As novas viaturas irão permitir melhor e mais amplo atendimento”, disse Doria.

USO DE MÁSCARAS- O coordenador-executivo do Centro de Contingência do Coronavírus de São Paulo, João Gabbardo, enfatizou que ainda não haverá a flexibilização do uso de máscaras no Estado. “Não é o momento de flexibilizar o uso, apesar dos números (indicadores epidemiológicos) estarem muito positivos. O Plano SP já flexibilizou e realizou modificações recentes, como a volta às aulas presenciais de forma obrigatória, presença de público nos eventos e espetáculos, reduziu a medida de distanciamento social para 1 metro, etc. Então, é preciso acompanhar o impacto destas mudanças. Não queremos retroceder. Vamos continuar mantendo a segurança e avançando gradativamente”, avaliou.

BOLETIM-  Gorinchteyn também atualizou o número de casos no Estado:

- 4.393.050 casos confirmados

- 151.297 óbitos

- 1.841 pacientes internados em UTI

- 2.064 pacientes internados em enfermaria

A taxa de ocupação dos leitos de UTIs no Estado é 28,51% e na Grande São Paulo de 36,03%.

Última modificação em Quarta, 20 Outubro 2021 13:47
Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Main Menu

Main Menu