25 Feb 2021


ABC receberá número insuficiente de doses da Coronavac, apenas 80 mil

Publicado em Saúde
Avalie este item
(0 votos)

A vacinação contra a Covid-19 no Brasil, que foi iniciada no domingo (17), pode ser interrompida em pouco tempo, devido às dificuldades na importação de imunizantes prontos e de insumos para a produção. O programa de imunização começou com apenas 6 milhões de doses da Coronavac, importadas da China. Dois milhões de doses da vacina de Oxford, fabricadas na Índia, não chegaram e, após dois adiamentos, o governo federal desistiu de fixar uma data para receber o produto.

O Estado de São Paulo não tem mais data prevista para começar a imunizar os idosos. O lote inicial da Coronavac é suficiente para vacinar apenas 0,5% dos idosos brasileiros e 34% dos profissionais de saúde do País. O volume disponível não é suficiente nem mesmo para vacinar os profissionais de saúde, que somam 5 milhões de pessoas no Brasil.

O Instituto Butantã possui 4,8 milhões de doses da Coronavac em fase final de produção, mas aguarda uma nova autorização da Anvisa para uso emergencial. A chegada de mais matéria-prima para fabricação de novas doses ainda depende de trâmites burocráticos com a China.

ABC- A expectativa é que cheguem 80 mil doses de vacina, nesta terça (19), para serem distribuídas entre as sete cidades da região e a vacinação será iniciada de forma simultânea. Cada município receberá número insuficiente para imunizar, até mesmo, todos os profissionais de Saúde.

São Bernardo, por exemplo, conta com 28 mil profissionais de Saúde, que compõe a rede municipal e privada de Saúde. Caso a cidade receba 30 mil doses, mesma quantia que será destinada à Santo André, não haverá doses suficientes nem para a 2ª aplicação da vacina nos profissionais de Saúde.

Logística- Em Santo André, além dos 500 mil kits, a Secretaria de Saúde de Santo André ainda aguarda a chegada de 731 mil seringas e 730 mil agulhas que fazem parte do Plano Nacional de Imunização e serão incrementadas ao estoque que o município já possui. Ao todo, cerca de 100 pontos entre unidades de saúde e escolas poderão ser utilizados como locais de vacinação.

São Bernardo já conta com aproximadamente 400 mil kits de seringas e agulhas em estoque, o que garante o início da campanha assim que as doses forem enviadas.

Última modificação em Terça, 19 Janeiro 2021 09:17
Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu