17 Feb 2019

A Prefeitura de Ribeirão Pires, por meio da Secretaria de Educação, realizará, entre os dias 11 e 15 de fevereiro, as inscrições para cadastro de vagas nas escolas de educação infantil da cidade.

Os pais ou responsáveis por crianças de zero a três anos de idade interessados em vagas nas unidades escolares devem realizar inscrição neste período na Secretaria de Educação/Ceforpe – Centro de Formação dos Profissionais da Educação (Avenida Prefeito Valdírio Prisco, 193, Centro), das 9h às 12h e das 13h às 16h.

Para efetuar a inscrição são necessários os seguintes documentos: certidão de nascimento; RG e CPF dos pais ou responsáveis; comprovante de endereço no nome do pai, mãe ou do responsável legal da criança – com validade de até três meses anteriores (água, luz, telefone fixo ou IPTU); declaração de trabalho e declaração de renda familiar.

A Secretaria de Educação adotou calendário mensal de inscrições com objetivo de otimizar o acesso às vagas. As inscrições não garantem a vaga, mas são necessárias. O calendário de inscrições dos próximos meses será em breve divulgado.

Carteirinha de vacinação- A Prefeitura reforça a importância de manter atualizada a carteirinha de vacinação para efetivação das matrículas escolares em 2019.

A Secretaria de Educação solicita aos pais e responsáveis que providenciem as imunizações disponíveis nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município. A apresentação da carteirinha de vacinação é obrigatória no ato da matrícula escolar. Para realizar a atualização, basta comparecer à Unidade Básica de Saúde mais próxima de sua residência – de segunda à sexta-feira, das 8h às 16h.

No final de 2018, secretários escolares e funcionários das 33 unidades de ensino da rede municipal de Ribeirão Pires participaram de capacitação para aprenderem sobre a leitura do cartão de vacina das crianças da rede municipal de ensino. A apresentação da carteirinha de vacinação atualizada também foi exigida no ato das rematrículas.

A Prefeitura de Santo André apresentou, na sexta (1), os novos veículos que farão o transporte escolar gratuito de alunos da rede municipal. A frota é composta por 47 veículos, sendo 15 micro-ônibus adaptados, com 10 lugares; 24 micro-ônibus convencionais, com 34 lugares e oito ônibus, com 50 lugares, viabilizando o acesso de 2.400 crianças às unidades escolares.

“Este tema era um grande gargalo para a cidade. Com o aumento da frota para 47 veículos, vamos conseguir atender melhor nossas crianças. Além do transporte, os alunos terão no primeiro dia de aula acesso aos kits escolares e uniformes. Na educação, contamos ainda com evolução na qualidade da merenda e, como forma de transparência, os pais recebem o cardápio pelo WhatsApp. É assim que trabalhamos para melhorar ainda mais os serviços oferecidos à futura geração de Santo André”, destacou o prefeito Paulo Serra.

O transporte será realizado por meio de contrato com a empresa Diastur, que fará com que o serviço seja ampliado e atenda mais áreas no município. “Com esta parceria zeramos a lista de espera para o transporte escolar e passamos a atender a demanda reprimida para acesso às regiões mais distantes da cidade, como Jardim Santo André, Clube de Campo e Paranapiacaba, por exemplo. Agora nossa frota estará disponível para acompanhar as crianças em viagens extracurriculares, além de conseguirmos ampliar em 25% o atendimento a alunos com deficiência”, explicou a secretária de Educação, Dinah Zekcer.

A frota iniciará os trabalhos na próxima quarta (6), quando começam as aulas da rede municipal. “Para nós é uma satisfação em trabalhar com transporte para ajudar os governantes que se empenham em fornecer este tipo de serviço para a população que tanto precisa”, afirmou o diretor de operações da Diastur, Nelson Donizete. “Trabalhamos para oferecer um serviço de excelência. Nossos colaboradores contam com curso de condutor, dispomos de monitores capacitados para atender as crianças com serviço diferenciado e preparado para transportar o futuro da cidade”, completou a diretora executiva da empresa, Milena Braga Romano.

A Prefeitura de São Bernardo apresentou, na sexta (1), o balanço da primeira quinzena de funcionamento do Bom Prato Dia e Noite. A primeira unidade no Estado forneceu 29.050 refeições nos primeiros 15 dias de funcionamento. O prefeito Orlando Morando esteve no espaço, localizado ao lado do Poupatempo (Rua Nicolau Filizola, 100, Jardim das Américas), na manhã de hoje, para tomar café da manhã, acompanhado de Melissa Terron, coordenadora geral institucional da Crami, entidade gestora do restaurante.

“O Bom Prato é um sucesso e os números mostram que a população de São Bernardo aprovou o equipamento. Só no horário de almoço, superando a meta de 1.500 por dia. Este programa é sinônimo de respeito com as pessoas mais humildes, promovendo segurança alimentar em nossa cidade, já que com apenas R$ 1 é possível fazer uma refeição completa e saudável”, afirmou o prefeito.

NÚMEROS – Pela manhã, foram fornecidos 3.900 cafés da manhã. No horário de almoço, 19.800 refeições, enquanto à noite foram servidos 5.350 jantares.

SUCESSO – Além de cota diária de 300 cafés da manhã e 1.500 almoços, o espaço ampliou o número de jantares servidos de 300 para 500 por dia. Os pratos são elaborados por nutricionistas e passam pelo rigoroso controle de qualidade do Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital), oferecendo arroz, feijão, proteína, salada, complemento, fruta de sobremesa e suco. O Bom Prato de São Bernardo é o primeiro do Estado a servir três refeições completas ao público, com oferta de café da manhã, almoço e jantar com preços que variam de R$ 0,50 a R$ 1. Crianças até seis anos não pagam.

O investimento total foi de R$ 4,3 milhões no local, sendo R$ 2,3 milhões na nova unidade, sendo R$1,3 milhão para custeio de refeições durante os primeiros 200 dias de funcionamento do restaurante. A contrapartida da Prefeitura de São Bernardo foi R$ 1,9 milhão. Durante a inauguração desta unidade, o governador João Doria autorizou o início dos estudos que visam à implantação de uma segunda unidade na cidade, desta vez na região do Grande Alvarenga.  A expectativa é que o restaurante seja instalado em área anexa ao Terminal Rodoviário Grande Alvarenga.

O Bom Prato de São Bernardo funciona de segunda à sexta-feira, das 7h às 9h, no café da manhã; a partir das 11h até o término da cota diária durante o almoço; e das 17h30 às 18h30, no jantar.

Estão abertas as inscrições para a primeira “Corrida das Pontes”. A prova será realizada no dia 17 de fevereiro, às 7h, com largada e chegada na Av. José Odorizzi, 621, bairro Assunção, em frente à Portaria 3 (Administração Central) da Scania. O percurso de cinco quilômetros passará pelo Viaduto Mamãe Clory (sobre a Av. Roberty Kennedy), segue pela Av. José Odorizzi, Av. dos Flamingos, até o viaduto sobre a Av. Humberto de Alencar Castello Branco, completando os 5km do percurso.

Os interessados podem fazer a sua inscrição no site: Ativo.com até o dia 6 de fevereiro ou até atingir o limite de inscritos. O valor da inscrição é de R$ 25.  Inscrições para acima de 60 anos encaminhar e-mail para O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..

Os participantes receberão um kit compostos por camiseta, chip e número de peito, e deverá ser retirado na sexta (15) das 10h às 22h ou no sábado (16) das 10h às 15h, na loja A Esportiva do shopping Metrópole, Praça Samuel Sabatini, Centro. Não serão entregues kits no dia da corrida.  Os cinco primeiro colocados masculino e feminino receberão troféus e os demais participantes ganharão medalhas de participação.

“Nosso objetivo é estimular cada vez mais as corridas de rua e proporcionar um momento de lazer em vias tão importantes da nossa cidade”, destacou o prefeito Orlando Morando.

A prova conta com o apoio da Prefeitura do Município de São Bernardo, por meio da Secretaria de Esportes e Lazer.

Atenção para o trânsito - Para a realização da prova será interditada, no dia 17 de fevereiro, das 5h às 17h, a Av. José Odorizzi, 621 até o Viaduto que passa sobre a Av. Humberto de Alencar Castello Branco.

Leilão

O famoso Clube Panelinha (WD) vai a leilão neste mês, depois de duas reuniões entre os 52 sócios, em meio a aprovação da maioria e alguns contras. O valor estipulado gira em entorno de R$ 12 milhões.

 

Leilão I

O advogado José Carlos Rubin Cezar, fissurado pelo clube Panelinha, e contra a venda, no final da última reunião, já muito abalado com o destino do clube, na saída do clube, sofreu uma queda na escada, seguido de um AVC, e, desde então, continua internado.

 

Estaca

Bater estaca para algumas construtoras já era. Está ultrapassado e causa transtorno e prejuízo aos vizinhos. Só que uma construtora, nem tchum, está a todo vapor em uma obra na esquina da rua Venezuela com a Av. Ramiro Coleoni, em Santo André. O barulho é tanto que tem deixado os moradores das imediações com os nervos a flor da pele. Vale lembrar que a obra fica a alguns metros do Hospital e Maternidade Brasil- Rede D’Or. A fiscalização não chegou ao local.

 

Missa

Sidney Matrone, presidente do Clube Aramaçan, em Santo André, fez o convite e o padre Fernando Sapaterro, da Paróquia Sagrado Coração de Jesus, aceitou. Irá celebrar missa do Dia das Mães, no clube.

 

O Rei dos...

 Um advogado de Santo André vem repaginando o novo apartamento, tudo com pedras ‘blue star’. Chiquérrimo, um luxo para poucos.

Os vinicultores de São Bernardo, em clima de muita festa, inauguraram, sua sede na rua Santiago. Uma grande conquista, junto à Prefeitura de São Bernardo, a concessão para o uso da área. Durante a inauguração, muito vinho e polenta feita na betoneira. O prefeito Orlando Morando foi logo tirando os sapatos e lavando os pés para a “pisa das uvas”, prática para a o preparo do vinho. Tudo em clima de muita alegria e descontração.  


Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu