17 Jul 2018

O Prontuário Eletrônico do Cidadão (PEC) já é uma realidade em Diadema e mais de 283.000 moradores estão cadastrados no novo sistema de informação do SUS, o e-SUS PEC. O Prontuário Eletrônico do Cidadão tem o objetivo de agilizar e qualificar os serviços à população nas UBS, como consultas e procedimentos médicos, odontológicos e de enfermagem.

Todo o histórico das condições de saúde dos munícipes estará disponível no sistema no momento do atendimento, assim como as informações de consultas, procedimentos, exames e medicamentos. As farmácias também estão informatizadas e passaram a utilizar o sistema Hórus, desenvolvido pelo Ministério da Saúde, que possui total integração com o PEC.

“A informatização das UBSs qualifica o fluxo do paciente dentro do serviço, melhorando a comunicação entre os profissionais no atendimento, diminuindo esperas do paciente e retrabalhos. O prontuário será utilizado também como base para que o município organize ainda melhor as políticas públicas referentes à área da saúde”, comentou o secretário de Saúde, Luís Cláudio Sartori.

Para a implantação do PEC em Diadema, a Prefeitura investiu R$ 820.000 na aquisição de 215 computadores e 300 impressoras para complementar o parque tecnológico existente na Rede de Atenção Básica do município. Também foram contratados 110 digitadores, por três meses, para digitalizar os cadastros dos cidadãos. Além disso, todos os profissionais da Atenção Básica receberam treinamento para operar o sistema. A informatização teve início em março de 2017, com a UBS Vila São José, que foi a unidade piloto para a implantação do PEC. Os antigos prontuários, feitos de papel, continuarão arquivados na unidade para que, caso necessário, sejam consultados.

O Prontuário do Cidadão fica disponível para os profissionais de saúde de toda a rede básica do município, facilitando em casos de mudanças de endereço ou necessidade de atendimento por outra UBS que não seja sua unidade de referência.

“As informações dos usuários passaram a ser registradas em um formato mais lógico e compreensível para todos, compondo um histórico mais confiável e rico de informações úteis para o acompanhamento de suas condições de saúde”, afirmou o secretário de saúde, Luís Cláudio Sartori.

“Diadema ganha uma ferramenta de trabalho mais eficiente e moderna. Além da rapidez em todo o processo, há redução do número de documentos como fichas, receitas e atestados preenchidos manualmente. É importante ressaltar que todas as informações de saúde do usuário são protegidas por extremo sigilo, estando acessível somente a médicos e enfermeiros e apenas no momento do atendimento”, comentou o prefeito Lauro Michels.

Prontuário eletrônico- As informações do PEC servirão de base de dados para o município e o país direcionarem as políticas públicas na área da saúde. Hoje aproximadamente 70%” dos cidadãos de Diadema já estão cadastrados no novo sistema de atendimento informatizado. Com o cadastro populacional e a implantação do e-SUS Atenção Básica, um sistema para registro das informações de saúde dos pacientes que utilizam a rede, o município garante o repasse de verbas do Ministério da Saúde destinadas para Atenção Básica. Atualmente, os recursos para custeio e manutenção dos serviços de Saúde provêm, em grande parte, do orçamento municipal e também de verbas do governo estadual e do federal. Para a Atenção Básica, Diadema recebe, em média, R$ 2,3 milhões mensais do Ministério.

A Anvisa acaba de publicar a aprovação de Epclusa® (sofosbuvir 400mg/velpatasvir 100mg), medicamento da Gilead Sciences para tratamento pangenotípico (genótipos 1 ao 6) e panfibrótico do vírus da hepatite C em adultos. Epclusa® oferece taxas de cura de 98% em apenas 12 semanas de tratamento para todos os perfis de pacientes.

"A aprovação do Epclusa® pela Anvisa significa mais um grande passo no tratamento da hepatite C no Brasil, principalmente pela possibilidade de curar todos os genótipos do vírus e todos os pacientes em diferentes fases da doença (desde casos com fibrose leve até cirróticos e transplantados) de forma simples e eficiente com um único comprimido ao dia por apenas 12 semanas, afirma Anita Campos, diretora médica da Gilead.

A eficácia de Epclusa® foi avaliada em cinco estudos que incluíram mais de 1200 pacientes com taxas de cura, também chamada de resposta virológica sustentada (RVS global), de 98%. Os estudos também demonstraram resultados em pacientes que se encontravam em diferentes situações, como aqueles que já foram previamente tratados; pessoas com doença hepática avançada, como a cirrose; pacientes no período pré e pós transplante de fígado e coinfectados com HIV.

O HCV- A hepatite C é uma infecção causada pelo vírus da hepatite C (HCV), que possui pelo menos seis tipos (genótipos) distintos e que acomete preferencialmente o fígado, provocando uma inflamação que leva a formação de cicatrizes (fibrose hepática) e que, com o decorrer do tempo e sem um tratamento, pode levar à cirrose e ao câncer de fígado. Além do fígado, outros órgãos também podem ser acometidos.

A hepatite crônica C afeta aproximadamente 71 milhões de pessoas no mundo. No Brasil, há uma estimativa de 657 mil portadores da doença. Cerca de 155 mil foram diagnosticados entre 1999 e 2016 e há indícios de que ainda faltam 502 mil pessoas para serem diagnosticadas. Nesse período foram realizados 110 mil tratamentos, sendo 57 mil somente entre 2015 e 2017. Entre 2000 e 2015, foram identificados 46.314 óbitos relacionados à hepatite C; de cada quatro óbitos por hepatite viral no Brasil, três (75,6%) são pelo HCV. O fato é que grande parte desconhece seu diagnóstico e poucos sabem como ocorreu a transmissão ou que exista tratamento para a doença.

"A doença é assintomática em 80% dos casos e faz dela um sério problema de saúde pública, podendo levar décadas para dar sinais, normalmente, manifestando-se já em estágio avançado de comprometimento do fígado ou com quadros associados", finaliza Dra Anita.

O HCV é transmitido pelo contato com sangue infectado, sendo que os principais meios de transmissão são reutilização e esterilização inadequada de equipamentos médicos, odontológicos e outros, compartilhamento de seringas e agulhas (como no uso de drogas ilícitas), práticas sexuais de risco e transmissão vertical (da mãe para o filho). Pessoas que receberam transfusão de sangue antes de 1993 também podem ter contraído a infecção.

A Hepatite C é a maior causa de cirrose, câncer de fígado e transplante hepático no mundo. Além das complicações relacionadas ao fígado, pode desencadear uma verdadeira doença sistêmica. Estudos comprovam que o vírus da Hepatite C aumenta os riscos do aparecimento de outras doenças como a Diabetes do tipo 2 e do Linfoma, por exemplo.

Com inauguração em agosto de 2018, o Universal's Aventura Hotel vai introduzir algo novo e diferente na cena gastronômica dos parques temáticos de Orlando. O Urban Pantry será um moderno espaço de alimentação no Aventura Hotel, que vai servir uma coleção incrível de pratos variados, que casam perfeitamente com as bebidas servidas no mais novo hotel da categoria Prime Value no Universal Orlando Resort.

O Urban Pantry combina perfeitamente com a energia contemporânea e elegante do Aventura Hotel e será o lugar perfeito para os visitantes aproveitarem o café da manhã, almoço e jantar.

Para mais informações e uma prévia de algumas das opções deliciosas que poderão ser encontradas no Urban Pantry, acesse o blog oficial do Universal Orlando Resort.

O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) abre, nesta segunda (2), inscrições para seleção pública de estagiários. São 55 vagas distribuídas entre 23 cursos de graduação (confira a tabela completa abaixo).

 A seleção ocorrerá por meio do CIEE (Centro de Integração Empresa-Escola). O estágio terá duração de até dois anos, com carga horária de 30 horas semanais. Os estudantes admitidos receberão bolsa-auxílio e auxílio-transporte, de acordo com a legislação vigente. Atualmente, o valor da bolsa-auxílio é de R$ 8,40 por hora (podendo totalizar R$ 1.008/mês).

 As inscrições devem ser feitas no site do CIEE (www.ciee.org.br), entre 2 e 16 de julho de 2018. Após a inscrição on-line, o candidato deverá entregar pessoalmente os documentos que são exigidos no edital na unidade do CIEE de São Caetano, que fica na rua Alegre, 1.162 - Bairro Barcelona, até o dia 17 de julho.

A divulgação do resultado preliminar dos aprovados está prevista para 25 de julho, no site do Semasa. Os candidatos classificados serão chamados de acordo com as necessidades e disponibilidade da autarquia. Todos os detalhes estão disponíveis no edital, no site do Semasa (www.semasa.sp.gov.br).

Meu Primeiro Emprego - Oferecer oportunidades de trabalho para os moradores de Santo André é um dos propósitos mais importantes da atual administração, seja para quem está desempregado ou começando um novo negócio. Uma das iniciativas da Prefeitura é o programa Meu Primeiro Emprego, que visa abranger a geração de empregos para os mais jovens e recebeu neste ano o prêmio do CIEE como melhor programa nacional do setor público.

 

 

CURSOS

 

TOTAL DE VAGAS

Administração de Empresas

8

Arquitetura e Urbanismo

2

Biblioteconomia

1

Ciências Biológicas/Biologia

6

Ciências Contábeis

2

Ciências da Computação/ Matemática Informática/ Sistema da Informação

1

Ciências Sociais/Sociologia

1

Comunicação Social/Jornalismo

1

Direito

3

Economia

1

Engenharia Ambiental

1

Engenharia Civil

8

Engenharia Elétrica

1

Engenharia Florestal

1

Engenharia Química

1

Engenharia Sanitária/Ambiental

3

Geografia

2

Gestão Ambiental

2

Pedagogia

2

Psicologia

2

Química

2

Serviço Social

3

Tecnologia em construção de obras hidráulicas

1

TOTAL DE VAGAS

55

O Parque Celso Daniel, um dos mais visitados da cidade, vai abrigar, a partir deste sábado (30), a exposição “Mesozoica – A Era dos Dinossauros”, que ficará no local até 15 de julho. A mostra, que encerra a programação do Junho Verde, mês dedicado ao meio ambiente, vai impressionar crianças e adultos com fósseis, réplicas de fósseis, representações de animais em vida, e muitos detalhes sobre a intrigante história dos bichos que povoaram a Terra há cerca de 65 milhões de anos. A visitação é das 10h às 16h e a entrada é gratuita.

A exposição aborda a biodiversidade existente entre os dinossauros e sua relação com outros animais que existiram na mesma época. Nela os visitantes poderão conhecer os tipos diferentes de dinossauros que existiram, como se comportavam e outras curiosidades. Ao todo, a exposição traz mais de 70 espécies de animais diferentes, distribuídos em sete sessões:

Terópodes - Inclui uma grande diversidade de dinossauros carnívoros, desde o miúdo Compsognato ao gigante Tiranossauro rex. Todos andavam em pé e muitos eram especializados em caça predatória,  dispondo de garras e dentes afiados para tal. É desse grupo que vieram todas as aves que conhecemos hoje.

Sauropodomorfos - São conhecidos pela cauda e pescoço comprido e, em alguns casos, pelo tamanho excepcional. É também um dos grupos mais antigos de dinossauros e mais conhecidos. Alguns sauropodomorfos, como o Braquiossauro e o Argentinossauro, são as maiores criaturas terrestres que já viveram no planeta!

Ornitópodes - Os ornitópodes eram dinossauros herbívoros, que surgiram discretamente durante o período Jurássico, como animais pequenos e velozes, até dominarem o final do período Cretáceo com formas extravagantes e de grande tamanho, como os Dinos-bico-de-pato. Caminhavam tanto de pé quanto de quatro e muitos viviam em manadas.

Marginocéfalos - A cabeça sempre é o que mais chama a atenção nesse grupo de dinossauros, adornada com calombos ou chifres, que provavelmente eram usados em combate, tanto territoriais quanto para defesa ou disputa em época de acasalamento. Alguns, como o Triceratops, se pareciam com gigantescos rinocerontes

Tireóforos - A blindagem, sempre composta de carapaça ou espinhos, é a marca registrada desses dinossauros quadrúpedes e herbívoros, de tal modo que alguns, como o Anquilossauro, eram mais intimidadores do que um tanque de guerra!

Criaturas do mar e do ar - Enquanto os dinossauros dominaram a terra seca, os céus da Era Mesozoica eram dominados pelos Pterossauros, répteis alados que figuram entre as maiores criaturas voadoras que já existiram. Nos oceanos, grandes répteis dominavam, como os Ictiossauros, Mosassauros e Plesiossauros. Mas, ao contrário do que possa parecer, não eram dinossauros, mas sim “primos” desses.

Os "vizinhos" dos dinossauros - Muitas curiosas criaturas coexistiram no planeta lado a lado com os dinossauros, como outros répteis, insetos, e pequenos mamíferos. Embora fossem “figurantes” nessa época, o legado de tais criaturas permanece até hoje, uma vez que tiveram a oportunidade de se diversificar abundantemente logo após a extinção dos dinossauros.

A exposição é uma realização do grupo Paleontos, uma Associação Científica e Cultural que tem por objetivo divulgar o conhecimento científico à comunidade, em parceria com o curso de biologia da Fundação Santo André e a Secretaria do Meio Ambiente.

Enquanto grandes centros como Paris ou Roma são provavelmente os destinos mais onipresentes nas listas de desejo, existem muitos outros lugares fora do eixo turístico que merecem mais atenção. Desde cidades coadjuvantes – como Puglia na Itália, Calgary no Canadá e Valparaíso no Chile, para citar alguns nomes – até as lindas praias de Pangkor na Malásia e, claro, Anguilla no Caribe. Na lista dos 40 destinos mais subestimados do mundo divulgada pelo site Insider, a ilha caribenha apareceu na 7ª posição.

Segundo o site, outras duas publicações, US News e World Report, classificaram Anguilla – território ultramarino britânico – como a ilha caribenha com as melhores praias. Com o embargo a navios de cruzeiro, cassinos e edificações de grande porte, Anguilla pode até parecer uma cilada aos viajantes. Mas não é.

O site ainda menciona que, de acordo com as dicas do TripAdvisor, Shoal Bay é uma das praias mais lindas da ilha – e possivelmente de todo mundo. “As areias brancas como talco e o mar azul turquesa são tão tranquilos e maravilhosos. Embora todas as praias ali sejam lindas, na minha opinião Shoal Bay East é a melhor”, descreveu um usuário do site de avaliações.

A lista aponta destinos ecléticos ao redor de todo mundo, desde a Índia, passando pela África, até o sul da Argentina. São descritos como aparentemente isolados ou secundários, mas que na realidade são tão hospitaleiros e atraentes quanto as localidades mais famosas. Anguilla foi o destaque na América Central por conta dos relatos e descrições de quem já esteve lá e se surpreendeu.

Para ler o post original e completo, acesse: www.thisisinsider.com/underrated-travel-destinations-2018-6


Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu