24 Sep 2018

No início de 2018, o surfista Marcelo Luna ganhou notoriedade ao surfar uma onda com cerca de 25 metros por exatos 38,2 segundos, em Nazaré (Portugal). Seu feito pode entrar para o Guinness Book. Para isso, o recorde precisa ser avalizado pela a Liga Mundial de Surfe (WSL, Word Surf League) para medição da onda e, desta forma, ser o considerado o surfista com a maior e mais longa já surfada. Em 2017, Luna foi finalista 13 vezes do WSL Big Wave Awards considerado o Oscar das ondas gigantes do surfe internacional.

Morador do Rudge Ramos, Luna faz questão de representar a cidade de São Bernardo nas principais competições pelo mundo. Por essa razão, acabou de firmar parceria com a Prefeitura, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer. Na próxima sexta (28), o surfista volta a Nazaré para defender as cores do município e do Brasil na temporada de surfe 2018/2019. “É uma grande honra representar o Brasil e a cidade de São Bernardo nas competições ao redor do mundo. Ser o único surfista da história da cidade é muito gratificante”.

O secretário de Esporte e Lazer, Alex Mognon, ressaltou o investimento que a cidade tem realizado no esporte. “Desde o início desta administração temos trabalhado para incentivar o esporte na cidade. Reformamos ginásios, melhoramos diversos espaços públicos e incentivamos a prática da atividade física para a população. Ter atletas de alto rendimento na cidade como o Marcelo Luna, que é são-bernardense, é uma honra e um grande exemplo de que é possível transformar vidas por meio do esporte”.

NOVOS DESAFIOS - Luna segue em busca de novos desafios. Adepto da modalidade tow-in, no qual o atleta é rebocado por um jet ski até as ondas gigantes, o surfista também buscará ondas gigantes também na remada, sem o auxílio do veículo. “Estou preparado fisicamente para surfar qualquer tipo de onda e vou em busca de novos recordes”, declarou.

Clássico da literatura espírita mundial, “Há Dois Mil Anos” será representado no Teatro Santos Dumont, em São Caetano, neste sábado (22), às 20h. Os ingressos estão esgotados.

A adaptação para o teatro de uma das mais importantes obras de Chico Xavier é inspirada em uma das existências do espírito de Emmanuel, psicografada pelo médium. A trama associa uma história de amor à reflexão universal sobre o sentido da vida e dos atos que aqui praticamos.

Vivenciado na Roma Imperial, o enredo narra a trajetória do senador romano Públio Lêntulus (Wendel Pinheiro) e de sua esposa Lívia (Júnia Halisk), que simbolizavam a força do império romano antigo. Ao encontrarem Jesus em uma viagem à Palestina para a cura da filhinha doente, o casal tem a vida transformada por meio de vários acontecimentos que são exemplo de superação, renúncia e fé.

Há oito anos em cartaz, a peça tem a direção de Gabriel Veiga Catellani e já foi vista por mais de 200 mil pessoas em todo o Brasil.

O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando, autorizou, na quinta (20), a ordem de serviço para revitalização da iluminação da Avenida Rotary. Serão substituídas todas as 72 luminárias atuais da extensão da via por lâmpadas LED.

A intervenção foi formalizada após uma parceria firmada com o São Bernardo Plaza Shopping, um dos principais empreendimentos da avenida. A assinatura contou com a presença do secretário de Obras e Planejamento Estratégico, Luciano Eber, e do representante da diretoria do shopping, Carlos Frederico Moreira Lurati.

De acordo com o projeto, a obra também prevê a renovação do projeto luminotécnico, redistribuindo e readequando os índices de luminosidade na via. A intervenção terá o investimento de R$ 500 mil, que será feito pelo empreendimento, sem custos para o poder público. 

 “Trata-se de mais uma importante parceria da iniciativa privada, que tem o objetivo de melhorar ainda mais a nossa cidade, trazendo mais segurança e conforto para a população. A Avenida Rotary é uma importante via de São Bernardo, que está recebendo duas obras de Mobilidade Urbana: os Corredores Rotary e Leste-Oeste”, afirmou o prefeito.

O 14º Passeio Inclusivo do Jeep Clube de Ribeirão Pires acontecerá, neste domingo (23), de setembro, a partir das 9h, no Pilar Park - Estrada do Sapopemba, 1380/1480 – Estância Pilar. A iniciativa, realizada pelo Jeep Clube do município, em parceria com a Prefeitura, por meio da Secretaria de Participação, Acessibilidade e Inclusão Social, promove a inclusão de pessoas com deficiência em passeio off road por trilhas do município.

Ação e aventura são os principais ingredientes do projeto, que está entre os mais tradicionais para promover inclusão social e proporcionar um dia de lazer e diversão às pessoas com deficiência.

O tradicional Encontro Mensal de Carros Antigos de São Caetano será neste domingo (23). A mostra é realizada no 4º domingo de cada mês, sempre no mesmo horário e local: das 9h às 13h, no estacionamento do Teatro Paulo Machado de Carvalho (Al. Conde de Porto Alegre, 840, bairro Santa Maria).

Organizado pela Prefeitura de São Caetano, por meio da Secretaria de Cultura (Secult), o evento celebra a rica trajetória do automobilismo mundial, abrindo oportunidade a expositores e apreciadores para conhecer de perto os possantes que fizeram história no século XX. A entrada é livre e gratuita para visitantes. Aos expositores pede-se levar 2 kg de alimento não perecível, que serão doados ao Fundo Social de Solidariedade do município.

Para expor, é preciso ser proprietário de veículo com, pelo menos, 30 anos de fabricação e em bom estado. É necessário ainda chegar com antecedência para checar com os organizadores, conforme a categoria do automóvel (marca, ano e modelo), o local para estacionar.

VINIL E FOOD TRUCK- A mostra terá discotecagem Rick & Roll, feira de vinil, food trucks variados e mercado de pulgas, com peças de colecionador, antiguidades e miniaturas. A verba obtida com as vendas será revertida ao Fundo Municipal de Cultura. Informaçõe: 4232-1237.

Um comparativo produzido pela Colliers International Brasil sobre escritórios de alto padrão em São Paulo e Miami, nos Estados Unidos, revelou o potencial muito próximo dos dois mercados. O estudo foi baseado em informações referentes ao segundo trimestre de 2018, como inventário existente, taxa de vacância, preço médio pedido e absorção líquida.

Em relação ao inventário existente nas duas cidades, o espaço dedicado a empreendimentos Classe A+/A em Miami é de 2.673 mil m². Em São Paulo, esse valor é 8,2% superior, chegando aos 2.893 mil m². Embora a taxa de vacância paulistana seja maior que a de Miami (21% contra 13%), a absorção líquida na capital paulista supera a americana. Em São Paulo, o saldo de áreas locadas menos o de espaços devolvidos é de 8 mil m², 33% maior que o de Miami, que chegou a 6 mil m² nos meses de abril, maio e junho de 2018.

Já sobre o preço médio pedido, analisadas as peculiaridades de cada um dos mercados e levados em consideração quesitos econômicos, sociais, de câmbio e afins, pode-se considerar que os valores são competitivos. São Paulo tem uma média de preço de R$ 84/m²/mês, enquanto em Miami o valor é de R$ 143/m²/mês.

Segundo os consultores da Colliers International Brasil, o estudo permite concluir que, no mercado brasileiro de escritórios de alto padrão, São Paulo está em um patamar próximo de condições como Miami está para o mercado americano. A cidade brasileira apresenta ainda um grande potencial de expansão do inventário disponível, preços atrativos e áreas com taxa de vacância equivalente ou mais baixa do que a média em Miami, como, por exemplo, Itaim Bibi (3%), JK (7%) e Paulista (8%).


Destaques

Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu