17 Jul 2018

A Fundação Procon-SP, órgão vinculado à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania, realizou pesquisa das tarifas bancárias praticadas por seis instituições financeiras: Banco do Brasil, Bradesco, CEF, Itaú, Safra e Santander. Foram comparados os serviços prioritários e os pacotes padronizados vigentes em 06/06/2018 com as praticadas em 06/06/2017.

No comparativo entre os bancos dos serviços prioritários vigentes em 6/6/2018, verificou-se que a maior diferença foi de 260%, relativo ao serviço “Operações de câmbio – venda de moeda estrangeira (cheque de viagem, emissão/carga e recarga de cartão pré-pago) e compra de moeda estrangeira (cheque de viagem e cartão pré-pago)”, sendo o menor valor, de R$25,00, praticado pelo Bradesco e o maior, de R$ 90,00, pelo Safra.

Na comparação, por banco, entre os valores praticados em 2017 e 2018, a maior variação encontrada foi no Bradesco – de 102,53% relativo ao serviço “Pagamento de contas utilizando a função crédito – cartão de crédito básico”. Em 6/6/2017 o custo do serviço era R$ 7,90 e, em 6/6/2018, R$ 16,00.

A pesquisa tem como objetivo verificar a evolução das tarifas bancárias e informar os consumidores; os dados foram coletados nos sites das instituições. Veja a pesquisa completa http://www.procon.sp.gov.br/pdf/Reltarifas_2018.pdf 

Pacotes Padronizados

Os bancos são obrigados a oferecer quatro tipos de pacotes de serviços padronizados pelo Banco Central – pacotes padronizados I, II, III e IV. A maior diferença encontrada foi no Pacote Padronizado IV, o menor valor cobrado foi de R$ 31,00 pelo Safra e o maior de R$ 41,00 pelo Itaú, diferença de 32,26%.

Comparando os valores praticados em 2017 e 2018 pelas instituições pesquisadas, referente aos quatro pacotes padronizados, verificou-se que o valor médio aumentou em todos, sendo a maior variação positiva no pacote padronizado IV, em 06/06/2017 o valor médio foi de R$ 35,76 e em 06/06/2018 foi de R$ 38,09, uma elevação de 6,53%

Orientações ao consumidor

O Banco Central determina um rol de serviços gratuitos, é importante o consumidor observar se os serviços essenciais gratuitos atendem as suas necessidades, antes de optar por um pacote. A contratação do pacote não é obrigatória, não podendo ser imposta pelo Banco.

No caso de optar pela contratação de um dos pacotes padronizados, o consumidor deve verificar se os serviços inclusos e suas respectivas quantidades estão de acordo com a utilização.

Recomenda-se observar se a instituição financeira oferece algum desconto no pacote em função do relacionamento com o banco.

É importante ficar atento para não extrapolar a quantidade de serviços estipulada no pacote contratado, assim evita-se pagar também a tarifa individual do serviço.

Um valor que poucos se atentam e causam danos nas finanças das famílias é a conta de luz, porém, por mais que sempre escutássemos nossas mães gritando para apagarmos a luz, nunca o impacto nos bolsos foram tão grandes, principalmente com aumentos recentes na cobrança desse serviço em praticamente todo país.

Só para ficar em alguns exemplos, em São Paulo o aumento ficará em 15% neste mês, no Rio em junho o aumento foi de 13% e em Tocantins o aumento médio está em torno de 10,3%. Assim, a recomendação um olhar mais atento para esse gasto e ter estratégias para mudanças.

Mesmo para quem já tem o hábito de poupar, é preciso redrobrar o cuidado e para que não haja susto na hora de pagar a conta. Veja algumas orientações de consumo consciente que podem fazer a diferença na ponta do lápis:

De olho no chuveiro

Segundo dados do Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica (Procel), o chuveiro elétrico é um dos grandes vilões no preço da conta de luz, representando cerca de 25% do valor em uma casa com quatro pessoas. Por isso é preciso sempre ficar atento à duração dos banhos diários, mesmo que no inverno, principalmente das crianças, que aproveitam para se divertir nesse momento.

Substitua as lâmpadas

Outra medida que pode fazer a diferença é substituir as lâmpadas convencionais por lâmpadas de LED, que além de economizar muito mais energia, iluminam melhor e têm uma durabilidade maior, sem a necessidade de serem trocadas com tanta frequência.

Abra as janelas

Durante o dia, tente aproveitar melhor a luz natural dos ambientes da sua casa ou apartamento abrindo as cortinas ou janelas. Nem sempre é preciso acender a luz para todas as atividades do cotidiano.

Ar condicionado

Em dias mais quentes, utilizar o ar condicionado para manter o ambiente climatizado é, sem dúvida, muito bom, mas é válido manter o aparelho entre 23ºC e 26ºC, pois quanto mais as temperaturas baixerem, o consumo tende a aumentar proporcionalmente.

Desligue os aparelhos

Nem todos se atentam a esse detalhe, mas deixar aparelhos eletrônicos conectados na tomada, mesmo que desligados, gera o consumo de energia elétrica, portanto lembre-se de conectá-los apenas quando for utilizá-los.

Cuidado com a geladeira

Ficar abrindo a geladeira a todo momento sem necessidade faz com que ela consuma mais energia, portanto abra-a apenas quando for pegar ou guardar algum alimento. Sempre que possível, faça o degelo do seu refrigerador, pois o gelo acumulado faz o motor trabalhar mais, consequentemente gastanto mais energia. Verifique se a borracha da porta está em boas condições: uma boa forma de fazer isso é prender uma folha de papel na porta, se ela sair com facilidade é sinal que está na hora de trocar a borracha.

Viu como pode ser simples e fácil se tornar um consumidor mais consciente? Além de contribuir para o seu bolso, você também ajuda na preservação do meio ambiente, portanto faça o exercício de tentar mudar os hábitos no dia-a-dia e drible o aumento da energia.

Na Collins Avenue, coração da ensolarada Miami, encontramos o Eden Roc Hotel Miami Beach, um clássico da arquitetura e hospitalidade da cidade. Em constante transformação e adaptação, recebeu o hotel inaugurou o Malibu Farm, restaurante comandado pela Chef Helene Henderson, que conta com a melhor da gastronomia “da fazenda a mesa”. Os produtos são orgânicos e naturais, além de serem produzidos por produtores locais, o que favorece o pequeno produtor, a economia da região, além de garantir o frescor e qualidade dos pratos.

Menu delícia

E para comemorar o feriado estadunidense de 4 de julho, que celebra a independência do país, o restaurante oferece um cardápio para lá de especial, com refeição completa a preço fixo, além de prato à la carte, agradando todos os gostos.

O restaurante também está com uma parceria com a cervejaria artesanal Biscayne Bay, para deixar as refeições ainda mais completas e proporcionar uma experiência de degustação única. Caso esteja por Miami no meio do feriado, é possível aproveitar da rica gastronomia do Malibu Farm, além de se encantar com a linda vista do oceano e a queima de fogos.

O cardápio do restaurante é bem amplo, com pratos de inspiração mexicana, sueca – país natal da chefe –, e até brasileira, com um delicioso açaí.

O almoço completo sai a partir de 23 dólares – incluindo entrada, prato principal e sobremesa. São sempre várias opções, sendo possível fazer diversas combinações, como uma entrada de nachos, pizza de abacate como prato principal e, para finalizar, um cremoso creme de chia vegano.

Já os tradicionais pratos americanos foram reinventados, com ingredientes naturais e saudáveis, como o waffle de quinoa e panquecas multi-grãos. Tudo para deixar a refeição saborosa, e mais saudável durante um dos maiores feriados do país.

Confira o menu completo para a festividade: https://www.edenrochotelmiami.com/en/things-to-do/eat-drink/malibu-farm-oceanfront-miami-beach-restaurant

O espaço

O restaurante serve comidas variadas no café da manhã, almoço e jantar com opções veganas, vegetarianas e com carne, agradando assim todos os públicos. Não é necessário ser um hóspede do hotel para aproveitar o restaurante, mas estando no Eden Roc Hotel Miami Beach, é possível usufruir das comodidades que ele oferece, além de toda a estrutura e amenidades.

O Complexo Esportivo Pedro Dell’Antonia recebe, nesta quarta (4), às 19h, a abertura da 62ª edição dos Jogos Regionais, com a presença do prefeito Paulo Serra e do campeão mundial de skate e andreense Sandro Dias, o "Mineirinho".

Santo André será sede única da 62ª edição dos Jogos Regionais, que acontecem de 4 a 13 de julho. Mais informações estão disponíveis no site: http://www.santoandre.sp.gov.br/jogosregionais2018/

A Fundação Criança de São Bernardo, por meio do Centro de Atendimento Socioeducativo (Case), registrou no primeiro semestre de 2018 uma redução de 28% no número de adolescentes encaminhados por meio do poder judicial para cumprimento de medidas socioeducativas em meio aberto – em liberdade assistida ou prestação de serviços à comunidade –, em relação ao mesmo período do ano passado. No primeiro semestre do ano, foram 108 encaminhamentos, contra 150 computados nos seis primeiros anos de 2017. Na comparação com 2016, a diminuição foi de 36,84%.

A redução dos encaminhamentos reflete a efetividade da metodologia desenvolvida pelo Case, que é o serviço de proteção social especial vinculado à autarquia municipal. O programa é centrado em atendimentos grupais, sempre pautado na lógica da ação e da reflexão, sendo considerado uma referência de sucesso para outras cidades do País.

“O trabalho realizado aqui é muito importante e mostra com uma sinergia positiva que é plenamente possível trazer esses jovens, que por algum motivo se evolveram no mundo do crime e da violência, de volta à sociedade de bem”, destacou o prefeito Orlando Morando, em visita à unidade da Fundação Criança onde funciona o Case, localizada na Rua Marechal Deodoro, 1.058, na região central.

Composto por uma equipe multidisciplinar, o Case usa metodologia amplamente reconhecida, voltada aos atendimentos grupais, com eixos temático-reflexivos e atividades lúdico-pedagógicas, possibilitando um novo começo aos adolescentes. Nas medidas de prestação de serviços à comunidade e de liberdade assistida, os jovens recebem acompanhamentos e desenvolvem diversas atividades que oferecem possibilidade de expressão e reflexão sobre as ações do passado – como pintura em grupo, artes plásticas, grafite e outros –, estabelecendo uma política de diálogo contínuo entre os assistidos e os educadores sociais.

De acordo com a coordenadora de Programa Social do Case, Maria Lúcia de Lucena, são muitos os fatores que contribuem para os bons resultados. “A acolhida dos adolescentes e famílias, através de ações de aproximação para o estabelecimento de vínculos, ultrapassam a execução da medida socioeducativa em seus aspectos legais, motivando estes jovens a apresentarem 75% de comparecimento nos atendimentos realizados ao longo do processo”, destacou. De acordo com a coordenadora, aspectos como a celeridade processual do poder judiciário no acompanhamento da execução de medidas em meio aberto também contribuíram para a redução.

Um dos espaços de maior destaque da casa é a cozinha. Mais que um ambiente utilitário, a cozinha de hoje não é só um local para preparar as refeições, mas também se dedica ao receber e ao conviver. Na última década, o ambiente reapareceu como um cômodo social da casa para receber os amigos, conviver com a família e praticar habilidades culinárias. Tudo isso acompanhado de uma decoração com a cara do chef.

Em sua 32ª edição, a CASACOR SP apresenta uma seleção de 12 cozinhas incríveis. Veja de perto os projetos que saíram da imaginação dos profissionais e se tornaram realidade na mostra.

A Triart Arquitetura, criou a Cozinha Matriz, na qual a estética rústica e desgastada da construção original foi ressignificada, produzindo uma atmosfera criativa e convidativa. O mobiliário é eclético e explora a madeira e os tons de verde. Nas escadarias, o color block valoriza as formas e destaca a escultura em formato de árvore, do artista cubano Jorge Mayet.

No Le Riad Bontempo, Roberto Migotto usa a inspiração marroquina para apresentar uma cozinha ampla, na qual o tom de verde nas paredes chama a atenção. Os móveis fixos enaltecem as linhas retas e a praticidade. O grande painel de madeira entalhada que reveste o teto é assinado com o sócio Ricardo Minelli.

Michel Safatle, em seu Loft Eu + Tu + Elas, aposta na iluminação, nos tons terrosos e azuis - além de diversos objetos – para compor um décor que favorece a intimidade e a convivência. Além disso, a premissa do loft de 125 m² é a integração. Os ambientes se conectam, mantendo reservados apenas a sala de banho e o closet, em um único anexo isolado por paredes.

A equipe da Suite Arquitetos criou a Casa da Árvore Renault, onde o imenso flamboyant com costelas-de-adão na base rouba a cena na cozinha, nesse espaço sem barreiras físicas e onde a integração com o verde é acentuada. Para prolongar o contato com o natural, foram eleitos tons terrosos nos revestimentos e nos móveis. Para finalizar, biombo em madeira, uma parede em mármore e a ilha gourmet em pedra.

Moacir Schimitt Jr. e Salvio Moraes Jr, trazem para a cozinha da CASA_DEZESSEIS, um estilo contemporâneo, onde integração e luz natural se destacam. Nesta residência completa, de 160 m², as circulações são amplas e os materiais imprimem o conforto desejado. As cores são sóbrias e tranquilas, com um certo frescor. Peças da linha de mobiliário autoral, criada em parceria com Bruno Faucz, marcam presença.

O Lounge Sensações™ de Gustavo Paschoalim é uma cozinha gourmet integrada ao amplo living, totalizando 92 m². Com a pegada dos lofts americanos, utiliza piso de demolição de bambu, iluminação em trilhos aparentes e tijolos ingleses nas paredes. A decoração é exposta nas estantes e inclui objetos dos séculos 18 e 19. O estilo prático se confirma na mesa extensa e multifuncional. Para suavizar, estofados azuis.

Na cozinha da SysHaus, de Arthur Casas, a marcenaria em tons claros acabada com metal se destaca, ao lado de generosas aberturas que permitem que ela seja atravessada pela ventilação e luz naturais. O sistema modular SysHaus tem seu pré-lançamento na CASACOR 2018 e com ele, foi possível erguer a casa de alto padrão em menos de um mês, sem resíduos ou uso de água.

Duas grandes árvores que se encontravam no terreno foram integradas à Casa Terra, de Paola Ribeiro. A sensação de estar em um jardim é reforçada pelo uso de vidro e grandes caixilhos, convidando o verde para a ambientação em tons naturais e amadeirados. O projeto luminotécnico é de Maneco Quinderé, e o mobiliário reúne peças de Jader Almeida e Gustavo Bittencourt, entre outros. Destaque para a bancada que mescla pedra e marcenaria.

Nildo José traz para a cozinha do Loft Ninho o desenho arquitetônico que valoriza a estética do Jockey, com uma estrutura que não interfere nos elementos originais. O desenho é sublinhado pela iluminação com fitas de LED. Peças com assinatura de Jean Prouvé e Oscar Niemeyer estão entre os poucos e bons itens que compõem o mobiliário. Destaque para a grande mesa de linhas curvas e suaves que compõem o espaço e foi desenhada pelo próprio profissional.

Na charmosa cozinha da Triplex Arquitetura na Casa Raízes, suculentas povoam os gaveteiros, que se transformam em pequenos jardins. As bancadas também abrigam temperos e fazem par com o fogão à lenha no tom verde, neste espaço criado para refletir, se reconectar com a natureza e renovar as forças. Painéis pivotantes em madeira e palha garantem a entrada de luz e ar fresco, além de revelar aos poucos o ambiente. O teto foi revestido com uma trama de fibras naturais. No décor, cores neutras trazem unidade visual entre móveis, revestimentos e obras de arte.

Flavia Ranieri trouxe para o Estúdio da Longevidade soluções em favor da segurança e do conforto da terceira idade, como desligamento automático do fogão. Para um clima de descanso, cores suaves como menta e rosé, plantas e lembranças de família.

João Armentano, na Villa Olivo Todeschini, aposta em luminosidade natural e ventilação abundantes pelos grandes caixilhos de vidro pivotante. No mobiliário, poltronas e cadeiras quebram a formalidade, com um layout solto e diversos estilos e tempos em diálogo. Na cozinha, a bancada central, em Dekton Entzo é o grande destaque.


Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu